jul
11

Postado em 11-07-2009 10:00

Arquivado em ( Artigos, Ivan) por vitor em 11-07-2009 10:00

Deu na coluna

Na Tribuna da Bahia, edição deste sábado(11), o jornalista Ivan de Carvalho divide a sua coluna em três comentários sobre temas políticos na ordem do dia, com título unificado: “O idioma, o escândalo, o prazo”.São todos eles assuntos verdadeiramente dignos de notas, que levados ao leitor com o estilo único de Ivan, ficam mais dignos e interessantes ainda. Bahia em Pauta reproduz a seguir o primeiro. E recomenda os demais. Confira. (VHS)
=================================================
Lula:reformador idiomático
kibe
====================================================
O idioma, o escândalo, o prazo

Ivan de Carvalho

1 – O presidente Lula, que terá chegado à noite a Brasília, procedente da Europa, disse lá, ontem, que os senadores (referia-se aos do Brasil) são “inquadráveis”. Assim, inventou uma palavra, o que, neste caso, e tendo em vista a natureza do vocábulo inventado, se não sinaliza conhecimentos vernáculos do presidente que recentemente reformou o idioma por decreto, confirma-lhe a criatividade lingüística, malgrado a língua presa.

Os senadores são “inquadráveis” por não poderem ser enquadrados pelo presidente, que se referia à decisão do senador José Sarney, presidente do Senado, de optar pela instalação da CPI da Petrobras para atenuar as pressões da oposição e de outros setores a respeito dos escândalos que envolvem o Senado e o próprio Sarney, pessoalmente. Referia-se também à “desobediência” da bancada do PT que manteve, “pro forma”, a posição favorável à licença de Sarney por 30 dias, apesar de pedido de Lula em contrário.

Se prosseguir como reformador idiomático e criador de palavras, a colaboração de Lula no setor acabará lhe jogando nos braços o Prêmio Nobel de Literatura.

LEIA INTEGRA DA COLUNA DE IVAN DE CARVALHO NA TRIBUNA DA BAHIA

jul
11

Postado em 11-07-2009 09:23

Arquivado em ( Artigos, Gilson) por vitor em 11-07-2009 09:23

Flavio Luiz: talento baiano na prancheta
flavio

CRÕNICA/PERFIL
====================================================

O SALTO DO GÊNIO

Gilson Nogueira

“O cartunista baiano Flávio Luiz (hoje ilustrador da África) é um dos 50 convidados para participar do álbum comemorativo dos 50 anos de carreira de Maurício de Souza, criador da Turma da Mônica, ao lado de nomes como Ziraldo, Laerte, Fábio Moon, dentre outros”.

Nelson Cadena, publicitário, redigiu a nota acima para a sua coluna Mídia, do Jornal da Metrópole. O JM, senhoras e senhores, leitores do Bahia em Pauta, é um veículo impresso, em tamanho tablóide, distribuído, gratuitamente, às sextas-feiras, na Grande Salvador. Por sua qualidade editorial, segundo alguns de seus leitores mais assíduos, acaba tão rápido quanto cerveja gelada em dias de sol forte na praia do Porto da Barra.

Cadena não me conhece. Portanto, não seria capaz de aquilatar a satisfação que experimento ao ver Flávio, meu irmão caçula, entre os cobras do cartum do país na edição comemorativa do ciqüentenário de estrada de Maurício de Souza.

Por acompanhar a carreira de Flávio, desde o dia em que ele, ao nascer, fez com um lápis que caiu no seu berço uma caricatura de Deus, entendo que os fãs desse baiano genial, bem como a Turma da Mônica, devem estar felizes da vida com o convite feito ao cartunista dono de traço mágico para engrandecer a obra que saúda o bruxo responsável por fazer a HQ brasileira ser mais valorizada, através de seus personagens encantadores, como o é Cebolinha.

Lembro de Flávio pequenino, no chão da sala de jantar, rabiscando coisas. Entre uma olhada e outra no que ele desenhava, no papel, via figuras que se movimentavam, sem que ele percebesse. Um dia, imaginei que um daqueles personagens iria sair dali e ganhar o mundo. Fiquei calado, não disse nada a ele, nem a ninguém, em casa. Segui conferindo confiante, torcendo, rezando e testemunhando o crescimento fantástico do trabalho de Flavinho. Até que, de repente, aquela figura, que ameaçava saltar do caderninho de Flávio Luiz, mais que depressa virou gente e deu um salto sensacional, para ser amada no mundo inteiro. Com vocês, ele, Aú, o capoeirista!

Acessem http://www.auocapoeirista.com.br

Gilson Nogueira é jornalista
=======================================
PS Escolas do interior paulista que não obtiveram uma boa avaliação do IDESP (Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo) receberam uma lista de projetos pedagógicos a escolher, nos quais podem desenvolver programas paradidáticos que ajudem a melhorar o desempenho de seus alunos. Entre os projetos encontra-se um específico com a utilização de quadrinhos e para tal a indicação foi a utilização do álbum recém lançado pela editora Papel A2, AÚ, O CAPOEIRISTA, de autoria de Flávio Luiz. O IDESP (Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado de São Paulo) é um indicador de qualidade das séries iniciais (1ª a 4ª séries) e finais (5ª a 8ª séries) do Ensino Fundamental e do Ensino Médio”
Traço marcante de Flávio
capoeira

jul
11

Postado em 11-07-2009 00:10

Arquivado em ( Artigos, Vitor) por vitor em 11-07-2009 00:10

Protógenes na Bahia: andar com fé
fe1

=========================================================
ARTIGO DA SEMANA

SANTOS FORTES DO DELEGADO PROTÓGENES

Vitor Hugo Soares

No Dois de Julho o delegado da Polícia Federal, Protógenes Queiroz, foi a sensação do grande desfile cívico e popular realizado em Salvador, na data magna da Bahia. Ele deixou no chinelo o governador Jaques Wagner (PT), o ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), prefeito João Henrique (PMDB) e o ex-governador carlista Paulo Souto(DEM), entre outros políticos renomados da terra – do governo e da oposição.

Protógenes percorreu quilômetros a pé sob aplausos e gestos efusivos da multidão nas ruas e das famílias nas sacadas dos casarões históricos durante o cortejo aos heróis simbólicos da batalha da independência nos cerros de Pirajá, em 1823. A consagração veio no Pelourinho, onde o delegado recebeu, de joelhos, a saudação dos integrantes do Olodum, que tocaram tambores para ele em formação especial, algo raro de ver.

Desde então é difícil encontrar no País alguém mais contente que Protógenes. Ele próprio atribui esse estado de felicidade pessoal a motivos de fé: religiosa, moral e cívica. O homem que há um ano conduziu a Operação Satiagraha e prendeu, entre outros, o conterrâneo Dantas Dantas – banqueiro-mor do Grupo Opoortunity – é católico praticante, devoto de São Bento e do Senhor do Bonfim, cujas medidas não tira do braço por nada.

Sincrético, nascido no seio de família com um pé nas sacristias e outro nos terreiros, Protogenes foi recebido também em um dos templos mais sagrados do candomblé de sua terra. Ali teve a confirmação de que é protegido de Xangô, guerreiro poderoso do reino dos orixás que adora desafios.

Saiu da visita quase em estado de levitação, segundo testemunhas confiáveis. Esta seria uma das principais razões do atual estado de espírito e do moral elevado exibido por Protógenes ultimamente. Mas não é o único, podem apostar. Basta ler a entrevista do delegado na revista virtual Terra Magazine, postada na quarta-feira (8/7) na passagem do primeiro ano da Operação Satiagraha, para tirar essa conclusão.

O devastador evento político-policial que virou o país de cabeça para baixo segue emblemático em seus desdobramentos, como se vê pela denúncia criminal apresentada pelo Procurador da República Rodrigo de Grandis, na sexta-feira, 03, contra o banqueiro Daniel Dantas e mais 13 pessoas envolvidas. Eis aí causa mais concreta e explícita para explicar a euforia destes dias de Protógenes Queiroz.

Isso se revela a cada resposta do delegado à repórter Marcela Rocha, na conversa em que o delgado avalia os desdobramentos das investigações que ele conduziu na fase mais crucial, até ser abruta e injustificadamente afastado pelo novo comando da corporação a que pertence. Os motivos estão ainda submersos, mas provavelmente ainda virão à tona, como outras estranhas trasações (para dizer o mínimo) deste caso.

Os fatos mais recentes revelam que o filho de Xangô não só é bom de briga e sabe nadar bem, como parece ter a proteção atenta de santos e orixás poderosíssimos. Assim, no primeiro aniversário da Satiagraha, ele pode afirmar na TM, que não teria feito nada diferente do que fez. Para Protógenes a denúncia do procurador De Grandis, esta semana, não é diferente da primeira, como alguns afirmam. Ao contrário, confirma integralmente os crimes antes apontados por ele.

“Inclusive o procurador foi muito feliz ao requisitar, com urgência, a instauração de três novos procedimentos, em especial o da BrOi, que já era para ter sido instaurado no ano passado, porque eu requisitei que a PF prosseguisse, mas isso não foi feito. O MP, segundo o delegado, teve grande lucidez em razão das provas levantadas, que apontam a autoria de fraude e participação de várias pessoas no esquema da BrOi”, entre elas e advogado e ex-deputado petista, Luis Eduardo Greenhaalg e o advogado e ex-ministro Mangabeira Unger, que inesperadamente deixou o governo Lula e voou de volta para a sua cadeira mais tranqüila e segura,na Faculdade de Direito de Harvard.

Quanto ao fato de ter aberto um novo capítulo sobre a mídia na operação Satiagraha, o delegado também não se arrepender de nada. Ao contrário, afirma estar cada vez mais convencido de que a relação do banqueiro Daniel Dantas e do grupo dele com setores da mídia “é uma relação espúria e criminosa, como foi desde o início apontado na investigação. Foi mostrada a relação que ele (DD) tinha com determinados jornalistas… Entendo que tem que aprofundar essa questão”, conclui o delegado.

Neste domingo (12), à meia noite (que pena o horário tão tarde), na católica Rede Vida de Televisão, o feliz delegado Protógenes Queiroz dará entrevista também no programa de Kennedy Alencar. Mais “chumbo grosso” a caminho, pois munição o delegado não esconde que ainda tem de sobra Que o Senhor do Bonfim, São Bento e Xangô reforcem a guarda de seu protegido.

Ele precisa, e merece.

Vitor Hugo Soares é jornalista. E-mail: vitor_soares1@terra.com.br

jul
10

Postado em 10-07-2009 22:48

Arquivado em ( Newsletter) por vitor em 10-07-2009 22:48

Enfim o aperto de mãos/Reuters
OBAMA-POPE

Antes de seguir para Ghana, na Africa, onde já desenbarcou , o presidente norte-americano Barack Obama reuniu-se hoje pela primeira vez desde que foi eleito com o Papa Bento XVI. Acompanhado ds primeira dama, Michelle Obama, e suas duas filha, Sasha e Malia, o presidente Obama desejou uma “ligação forte” entre o Vaticano e os Estados Unidos.

“Eu sei que o senhor está acostumado a ser fotografado. Eu também”, disse Obama em tirada de humor para tentar quebrar o gelo nas relações entre Vaticano e Estados Unidos, desde a posse do novo presidente, francamente favorável às pesquisas científicas com células trono, condenadas pela Igreja Católica. “É uma grande honra. Muito obrigado”, declarou Barack Obama a Bento XVI, no início do encontro, dando um aperto de mão caloroso ao Papa, que estava igualmente sorridente.

O Presidente norte-americano visitou o Vaticano depois de ter estado em L’Aquila para o encontro do G8 e adiantou ao Papa que a reunião entre os oito países mais industrializados foi “produtiva”. Depois, os dois estiveram durante 40 minutos numa sessão fotográfica, realizada na biblioteca do Vaticano.

Durante o encontro, Bento XVI disse que iria “rezar por” Obama, que agradeceu, respondendo que procurava uma “ligação forte” entre os dois estados. Depois da troca de presentes, a mulher do Presidente, Michelle Obama, e as suas duas filhas, Malia e Sasha, de dez e oito anos, mais oito pessoas do grupo que os acompanhou a Itália foram apresentados ao chefe da Igreja católica.

Este encontro era esperado com impaciência pelo Presidente norte-americano que é cristão protestante, e que até agora só falara com o Papa por telefone, pouco depois da sua eleição a 4 de Novembro, adiantou um dos seus conselheiros. Obama despediu-se do Vaticano e seguiu para Gana, onde inicia a primeira viagem como presidente norte-americano a África

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do jornal Público, de Lisboa, e agência Reuters)

jul
10

Postado em 10-07-2009 18:23

Arquivado em ( Multimídia) por vitor em 10-07-2009 18:23


A música desta triste sexta-feira(19) vai postada pelo Bahia em Pauta em memória do ex-parlamentar constituinte e inigualável ex-líder dos petroleiros da Bahia à frente do Sindipetro, Mario Soares Lima, figura humana generosa que acaba de partir para dimensões insondáveis. Filho ilustra de Glória, na beira do Rio São francisco, Amigo solidário, alegre resistente, frágil e contraditória figura às vezes, mas sempre ser humano como poucos. É para ele esta Ave Maria, na interpretação de Charles Aznavour, único como Mario, que acaba de partir.

(Vitor Hugo Soares, editor)

jul
10

Postado em 10-07-2009 14:13

Arquivado em ( Newsletter) por vitor em 10-07-2009 14:13

Mario Lima: No parlamento e no Sindipetro/A TARDE-on line
mario
==================================================
Vítima de um AVC-Acidente Vascular Cerebral (derrame), faleceu aos primeiros minutos da tarde desta sexta-feira (10), no Hospital Aliança, em Salvador, Mário Lima, ex-deputado federal constituinte e ex-presidente do Sindicato dos Petroleiros da Bahia (SINDIPETRO) .

 O  ex-parlamentar do Partido Socialista brasileiro(PSB)estava internado na UTI do hospital, em estado considerado de morte cerebral, pelos médicos, desde a tarde de quinta-feira.  Segundo familiares, Mario Lima foi vítima de um AVC do tipo hemorrágico.

 Mário, nascido na cidade de Glória, no Vale do São Francisco, morre aos 74 anos.  Nos anos 60,  foi o principal e mais combativo líder petroleiro da Bahia e um dos mais importantes líderes sindicais do País, na fase que antecedeu o fortalecimento do movimento sindical dos metalúrgicos do ABC, em São Paulo, do qual surgiria Lula, atual presidente da República.

O ex-dirigente do Sindipetro conviveu proximamente com ex-presidentes, como Juscelino Kubitschek, mas principalmente com João Goulart. “Não precisava marcar audiência para ser recebido por Jango, em Brasilia, e discutir com o presidente trabalista (PTB), diretamente, os problemas e reivindicações dos trabalhadores do petróleo”, costumava dizer o ex-deputado.

Com a queda de Jango, no golpe militar, em 1964, o dirigente sindical foi perseguido, afastado do Sindipetro e preso, primeiro em quarteis do Exército, em Salvador, depois transferido para a Ilha de Fernando de Noronha, onde ficou ao lado dos ex-governadores de Pernambuco, Miguel Arraes, e Seixas Dória, de Sergipe, entre outros presos e perseguidos político da época.

No Congresso constituinte, já no MDB, teve atuação também destacada e conviveu proximamente com lideres do porte de Ulisses Guimarães e Tancredo Neves, dos quais o ex-parlamentar baiano sempre recebeu tarefas importantes e palavras de elogio.

O sepultamento de Mario Lima será neste sábado (11), às 15 hs, no Cemitério Jardim da Saudade.

(Postado por Vitor Hugo Soares).

jul
10

Postado em 10-07-2009 09:24

Arquivado em ( História, Newsletter) por vitor em 10-07-2009 09:24

Andréa Albertini: polêmica
andrea
====================================================
Vítima de complicações do HIV (AIDS), segundo o laudo médico revelado nesta sexta-feira(10) no Jornal Nacional, da Rede Globo, morreu na madrugada de quinta-feira (9), na cidade de Mauá, Região Metropolitana de São Paulo, o travesti André Luiz Ribeiro Albertini, 22,que ficou conhecido nacional e internacionalmente como Andréa Albertini, depois de acusar o atacante Ronaldo, atualmente “comendo a bola”  no Corinthians, de não pagar o programa solicitado para ele e mais dois travestis, em abril do ano passado.

André Albertini morreu às 5 horas da manhã, no Hospital das Clínicas Doutor Radamés Nardini, onde  foi atendido. As primeiras informações davam conta de que a causa da morte, terias sido Meningite , uma inflamação das membranas que recobrem e protegem o sistema nervoso central – as meninges. A meningite pode ser de origem viral, adquirida depois de alguma gripe ou outra doença causada por vírus, ou de origem bacteriana, normalmente mais branda.

O Jornal Nacional, da Globo, no entanto, teve acesso ao laudo da morte de André, onde está registrado, segundo a jornalista Fátima Bernardes (âncora do JN), que o travesti morreu devido a complicações da síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS), doença que enfraquece o sistema imunológico.

O corpo do travesti, conhecido na noite como Andréa Albertini, velado no Cemitério Santa Lídia , será sepultado às 10 horas desta sexta-feira em Mauá, na grande São Paulo.

MEMÓRIA DO CASO – Albertini ganhou fama dentro e fora do país após protagonizar uma confusão com o jogador Ronaldo, atualmente no Corinthians, e mais dois travestis, em abril de 2008, no Rio. Ele acusou o jogador de não pagar o programa e de ter usado drogas, mas recuou e admitiu ter inventado toda a história.

Ronaldo alegou que levou o grupo ao hotel pensando que eram prostitutas e, ao perceber o erro, quis ir embora, mas foi chantageado pelo travesti. Todos acabaram na delegacia. Segundo o jornal Gazeta Esportiva, de São Paulo, Andréia agora respondia a processo na Justiça, acusada de tentativa de extorsão pelo Ministério Público.

jul
09

Postado em 09-07-2009 23:05

Arquivado em ( Newsletter) por vitor em 09-07-2009 23:05

José Alencar: força incomum
vice
==============================================
Transcorreu sem problemas a cirurgia, de seis horas de duração, a que foi submetido nesta quinta-feira (9) o vice-presidente no exercício da Presidência da República, José Alencar. A informação é do cirurgião Raul Contait, médico do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Dez tumores foram retirados do intestino de Alencar e, segundo revelou Contait ao portal Terra, apenas dois nódulos ficaram na região pélvica do vice-presidente.

O médico disse que Alencar reagiu muito bem à operação e não teve nenhum problema durante a cirurgia. “Não caiu a pressão, não sangrou, a diurese ficou boa. Ele se comportou quase como um adolescente durante a cirurgia”, disse o médico. “A força de vontade dele, a vontade de luta, de sobreviver dele, inclusive, norteia a nós, médicos, no tratamento dele”, completou o cirurgião.

O cardiologista e diretor do Hospital Sirio Libanês, Roberto Kalil Filho, que também acompanhou a cirurgia, disse que Alencar se mantém estável cardiologicamente e clinicamente. Segundo ele, o vice-presidente deve permanecer de 24 a 48 horas em observação na Unidade de Tratamento Intensivo do Hospital. Segundo a equipe médica, por se tratar de um procedimento delicado, complicações são sempre esperadas, o que exige a observação. “Vamos observar e torcer para que não haja complicações”, disse Contait.

Mais cedo, seguindo o portal Terra, o oncologista Paulo Hoff já havia informado que tumores tinham sido retirados do intestino de Alencar, embora o objetivo da cirurgia fosse apenas desobstruir o intestino do vice-presidente. Segundo ele, muitas regiões do intestino de Alencar sofreram fibrose devido ás várias cirugias pelas quais o vice-presidente passou, e impediam, em certa medida, que os médicos chegassem ao local. O tamanho dos tumores encontrados, de acordo com Hoff, estava de acordo com o que foi diagnosticado pelos exames feitos pelo vice-presidente na quarta-feira.

No último sábado, Alencar já havia sido internado com dores abdominais, quando foi constatada a obstrução intestinal. Após ser tratado com medicamentos, ele recebeu alta na segunda-feira. Bem-humorado, Alencar disse, ao sair do hospital, que continuará firme na briga contra o câncer. “A luta continua”, afirmou. O vice-presidente, de 77 anos, luta contra um câncer desde 1997 e já foi operado diversas vezes. A última delas foi em janeiro, quando retirou 18 pequenos tumores em uma cirurgia que durou 17 horas.

Mas exames realizados no mês de maio mostraram a volta dos tumores na região abdominal. Inicialmente, a equipe médica que trata de Alencar havia descartado nova cirurgia e optado por tentar um tratamento experimental nos Estados Unidos.

“A luta continua”, como afirmou o corajoso vice-presidente da Republica.

jul
09

Postado em 09-07-2009 17:58

Arquivado em ( Municípios, Newsletter) por vitor em 09-07-2009 17:58

Paulo Afonso: festa para o PAF
chesf3

===================================================

Nomes de peso político nacional e regional do DEM e do PSDB estão sendo esperados nesta sexta-feira(10) na cidade baiana de Paulo Afonso, no Vale do São francisco, onde se localizam as principais usinas geradoras de energia elétrica do Nordeste do sistema CHESF. O motivo da visita é a festa de lançamento nacional do “Programa Agenda Família”, contraponto idealizado por partidos da frente oposicionista ao governo Lula para como alternativa ao Bolsa Família, carro-chefe do governo petista na área social.

Paulo Afonso, município baiano administrado pelo DEM, será o primeiro do País a ser contemplado com o PAF, idealizado pelo Partido Democrátas. O programa conta com a parceria da Prefeitura Municipal e tem como objetivo principal, segundo seus idealizadores, “a inclusão social sustentável, propondo o enfretamento da pobreza por meio de ações conjuntas e permanentes”. O lançamento será nesta sexta-feira (10), às 9h30, na quadra de esporte do bairro Benone Resende.

O evento, segundo seus organizadores, contará com a presença do Presidente Nacional do Democratas, Deputado Rodrigo Maia; do Presidente Nacional do PSDB, Senador Sérgio Guerra; do Presidente Nacional do PPS, Roberto Freire; do Presidente Regional do PR, senador César Borges, além de Prefeitos, Vereadores, Deputados Estaduais e Federais e lideranças políticas do Democratas, PSDB, PR entre outros partidos. Deverá se constituir no primeiro teste de força da oposição no Estado, com vistas às eleições sucessórias para o governo estadual e presidência da República, em 2010.

O QUE É – Contraponto ao Bolsa Família dos opositores do governo federal, de Lula, e estadual, de Jaques Wagner, ambos petistas, o Programa Agenda Família tem como foco o acompanhamento de famílias de baixa renda. Em Paulo Afonso, primeiro laboratório de teste nacional do modelo, serão atendidas 35 famílias que serão acompanhadas pela gestão municipal através do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS).

Um texto divulgado pelo partido Democratas afirma que o programa muda a forma de ver a solução do problema. “Antes, o governo pensava uma solução e a levava para as famílias. Agora, as famílias vão apontar seus problemas e o governo construirá soluções”.

A conferir

(Postado por Vitor Hugo Soares)

jul
09

Postado em 09-07-2009 14:26

Arquivado em ( Newsletter) por vitor em 09-07-2009 14:26

Obama e o presente de Lula
lulobama
Diz a legenda da foto publicada, hoje, no site do Estadão, que Barack Obama sorriu ao receber de Lula a camisa da Seleção com autógrafos dos jogadores brasileiros e o número 5 nas costas, durante reunião entre os dois líderes que ocorre à margem da Cúpula do Grupo dos Oito (G8, os sete países mais industrializados do mundo e a Rússia), em Áquila, na Itália. Pelo visto, Obama não gostou do presente. A recente conquista, pelo Brasil, da Copa das Confederações, não foi, ainda, digerida pelos americanos. Questão de tempo.

Gilson Nogueira, jornalista, colaborador do Bahia em Pauta

  • Arquivos

  • Abril 2018
    S T Q Q S S D
    « mar    
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    30