Vinhos do Vale do São Francisco

=====================================================
GRAZZI BRITO

Esta semana, em Petrolina-PE, no Vale do São Francisco, o Coordenador Nacional de Vitivinicultura do Sebrae (Brasília), Aníbal Bastos e o Gestor Estadual de Agronegócio, Alexandre Alves anunciaram um convênio de abrangência nacional firmado entre o Sebrae e o Ibravin – Instituto Brasileiro do Vinho, com o objetivo de desenvolver, certificar e mapear a vitivinicultura e a fabricação de sucos nos principais pólos do país.

Os representantes das entidades, acompanhados do vice-prefeito de Petrolina, Domingos Sávio e do gestor do Projeto do Roteiro do Vinho da Unidade de Negócios do Sebrae Sertão do São Francisco, Helder Freitas, conheceram de perto o potencial de cinco vinícolas do Vale do São Francisco, conferindo inclusive o primeiro vinho produzido na região, há 25 anos.

“Em 1985 na Fazenda Milano foi produzido o primeiro vinho no Vale, em termos de região produtora ainda somos jovens se comparado a região Sul que tem uma tradição de 120 anos, porém o diferencial do Vale com seu clima, solo e produzindo de 2 a 3 safras por ano constitui-se num grande produto a ser explorado”, argumentou Aníbal Bastos.

O Coordenador Nacional de Vitivinicultura do Sebrae, disse ainda que o convênio anunciado nesta segunda-feira em Petrolina, reúne ações de desenvolvimento no Cadastro Vinícola Nacional, além de traçar um diagnóstico tecnológico das empresas, promoção de seminários, capacitação e mapeamento da estrutura da cadeia produtiva, bem como, as ações para a certificação do produto vinho do Vale.

O vice-prefeito de Petrolina, Domingos Sávio disse na oportunidade que a região tem diversificado seus produtos e sempre apresenta novidades ao mercado nacional. “Já possuímos a uva e manga do Vale com selo de qualidade e certificação de origem, agora desejamos capacitar, mapear e auxiliar na certificação das vinícolas, variando assim não só para o vinho, bem como, para um mercado que tem crescido, a exemplo da produção do suco de uva”, revelou.

Na oportunidade foi lembrado que de 25 a 29 de maio próximo acontecerá o IIº Simpósio Internacional de Vinhos Tropicais, coordenado pela Organização Internacional de Vinho, com a participação de 17 países. “Esse ano Petrolina vai sediar o evento. Esta é a prova maior do reconhecimento da qualidade dos nossos vinhos”, comemorou Domingos, que também é Secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura do município.

Grazzi Brito, jornalista, mora em Juazeiro(BA), na região do Vale do São Francisco

mar
09

Ivete: Carnaval na beira do rio da infância

=================================================
GRAZZI BRITO

JUAZEIRO(BA)– Aconteceu ontem (08), no Centro de Cultura João Gilberto, em Juazeiro, o lançamento do carnaval da cidade que este ano acontecerá de 27 a 30 de maio em homenagem a juazeirense Ivete Sangalo que faz aniversário no dia 28 de maio. Ela será a grande homenageada do carnaval fora de época na região do Vale do São Francisco.

Declarada a abertura do evento, o prefeito Isaac Carvalho destacou que é preciso que a data do carnaval entre no calendário de eventos de Juazeiro e da Bahia. “Precisamos fixar a data da festa para que possamos atrair investimentos para a nossa cidade e o carnaval é uma ferramenta de geração de emprego e renda e de valorização da cultura”. O prefeito ainda destacou que o período escolhido para a realização do evento é muito propício para a economia juazeirense, sendo um mês de safra na agricultura, chuvas escassas e a circulação de negócios que a cidade gera.

“Todos os sinais nos dizem que faremos uma grande festa”, enfatizou Isaac. Ele ainda ressaltou que o evento será divulgado em Salvador, capital do Estado.

Além da homenageada Ivete,  já foram confirmadas as participações do cantor Tomate,  Harmonia do Samba,  Trem de Pouso,  bandas TH e Mina de Salvador, atrações contratadas pela prefeitura. Os blocos de corda e trio também farão parte da festa com outros grandes nomes da música baiana. “O Carnaval de Juazeiro precisa de todos e nós estaremos juntos”, disse o presidente da Associação de  Blocos, Anselmo Bispo.

Grazzi Brito é jornalista, mora em juazeiro, no Vale do São Francisco

mar
05

Lula e Dilma: uvas no parreiral do São Francisco

===================================================

GRAZZI BRITO

Lula esteve em Juazeiro, no Vale do São Francisco, nesta sexta-feira (05), para a inauguração da 1ª etapa do perímetro de irrigação do Projeto Salitre. O presidente entregou as estruturas dos lotes para os primeiros agricultores beneficiados com o projeto. A primeira etapa beneficia 255 agricultores familiares e “até março serão licitados mais sete mil hectares do Projeto”, garantiu Lula. O projeto Salitre, em sua primeira etapa contou com R$ 251 milhões, investimento do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento).

Sobre a disputa ao governo da Bahia de seus aliados políticos Geddel e Wagner, o presidente foi direto ao pontro:“Posso dizer na frente deles, eu não fico a vontade nessa situação. Sonhamos com essa aliança (PT/PMDB) e foi o que permitiu vencer a ultima campanha na Bahia e no Brasil, isso não estava previsto”, reconheceu de público o presidente.

Mas acrescentou: “ acho que ainda temos tempo de resolver muita coisa, ainda tem muita coisa pra acontecer eu não dei por encerrado”,disse o presidente, ao expressar sua esperança ainda na possibilidade do reencontro Lula-Geddel.

Na comitiva de Lula a ministra-chefe da Casa Civil Dilma Rousseff,a candidata preferencial do presidente à sua sucessão , o governador Jaques Wagner e o ministro da Integração Nacional Gedell Vieira Lima entre prefeitos da região, deputados estaduais e federais.

Em relação a candidatura de Dilma à presidência, Lula disse que ele e a ministra Dilma, juntos, incômodam pra muita gente “Se eles pudessem eles cantavam todo dia: um Lulinha incomoda muita gente, uma Dilminha incomoda muito mais”, brincou.

Grazzi Brito é jornalista, mora em Juazeiro, no Vale do São Francisco

Vale: depois da cebola a política

=====================================================

GRAZZI BRITO

O governador Jaques Wagner participou da abertura do 22º Seminário Nacinal da Cebola (Senace) e do 12º Seminário da Cebola do Mercosul. Os eventos acontecem simultâneamente até esta quinta-feira (3 e 4) em Casa Nova, município a 572 km de Salvador, no território do Sertão do São Francisco.A partir daí, à agenda sobre agricultura deverá se sobrepor o debate político com a presença das principais lideranças estaduais na área.

Na sexta-feira, o presidente Lula visita mais uma vez a região, acompanhado da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, candidata preferencial do presidente á sua sucessão.A

A importância dos eventos reside no fato de que a Bahia é o segundo maior estado produtor de cebola no Brasil ao lado de Pernambuco. Aqui a cebola é produzida em 40 municípios, dos quais Casa Nova se destaca por ser a maior cidade produtora do estado, conhecida como a capital da cebola no Nordeste. São mais de 3,6 mil hectares plantados no município, o que corresponde a 34% do total de plantação de cebola da Bahia.

O presidente da comissão organizadora do Senace, Pedro Cavalcante, afirma que a região do São Francisco concentra cerca de 50 mil produtores de cebola. “Por isso que este evento e a participação do governador são tão importantes. Aqui o pequeno produtor vai poder entrar em contato com as novas tecnologias e informações atualizadas sobre o plantio da cebola”.

Os pequenos produtores, de fato, são os principais beneficiados com o
evento. Em 2009, estes agricultores foram responsáveis pela geração de 60 mil empregos diretos e indiretos distribuídos nos diversos elos da cadeia de produção. Isto movimentou na região cerca de R$ 134 milhões, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Grazzi Brito é jornalista, mora na região do Vale do São Francisco

fev
10

Isaac (na cabeceira): escolha de Wagner

===============================================

===============================================

GRAZZI BRITO

JUAZEIRO (BA)- A convite do governador Jaques Wagner (PT), o prefeito de Juazeiro Isaac Carvalho (PC do B) será o coordenador da campanha de Wagner em busca da reeleição na região do Vale do São francisco. Isaac aceitou o convite feito nesta segunda feira (08) em Salvador e já prepara entendimentos com os partidos aliados e lideranças da região.

Ainda na capital o prefeito anunciou sua nova empreitada em entrevista a uma rádio de Juazeiro. Quando questionado se essa adesão a campanha de um candidato não prejudicaria sua administração municipal nos próximos anos caso outro candidato fosse eleito a governador, Isaac disse: “a gente não pode assoprar e assoviar ao mesmo tempo”, demonstrando todo seu apoio ao estilo petista de discursar e fazer política.

( Grazzi Brito é jornalista, mora em Juazeiro, região do vale do São Francisco.)

jan
06

Ivete Sangalo…

=================================================
…e Anamara: Mera coincidência!!!

========================================================
GRAZZI BRITO

JUAZEIRO (BA)A baiana Anamara Brito será umas das quinze participantes do reality show da Rede Globo Big Brother Brasil em sua 10ª edição. A policial militar (PM) , 25 anos, já vem causando polêmica antes mesmo do início do programa, tanto pela notável semelhança com a conterrânea famosa Ivete Sangaloem, como por suas suas declarações em que demonstra toda sua vontade de conquistar o prêmio de 1 milhão e meio de reais.

Grazzi Brito é jornalista, mora em Juazeiro (BA), região do vale do São Francisco )

“Pra mim o importante não é participar é vencer”, diz a bela PM. E para isso a moça parece disposta ” A galera do Big Brother vai ficar o tempo todo me vendo falar”, disse em seu vídeo de apresentação do reality show.

Segundo sites sobre o programa a morena já é considerada musa do BBB 10. Mara, como é conhecida, sempre foi reconhecida pela sua garra e vontade de vencer na vida, sua família é humilde, mas isso nunca foi empecilho para que desde cedo despontasse como uma mulher bonita e de fibra.

E foi dessa forma que saiu ainda adolescente do bairro pobre, onde ainda hoje vive sua família, para trabalhar e estudar no centro da cidade, sendo admitida na Policia Militar da Bahia. Segundo Comandante da Companhia em que está lotada na cidade de Casa Nova, Anamara encontra-se de férias e não informou a corporação a sua participação no programa.

Preocupada com o sigilo exigido pela emissora a BBB negou inicialmente boatos sobre a sua participação.

nov
29

Urânio em Caitité: água contaminada
contaminação
==================================================
Nesta segunda-feira (30), uma equipe da Defesa Civil do Estado, vligada à Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza, visita região do municipio de Caitite, atingida em algumas áreas por derramamento de resíduos de urânio que alcançaram alguns mananciais. Segundo informações do INGA, o objetivo principal é verificar o número de famílias que necessitam de fornecimento alternativo de água – o que deverá ser providenciado pelas três Prefeituras Municipais notificadas pelo INGÁ e pela Sesab.

O Instituto de Gestão das Águas e Clima (INGÁ) e a Secretaria de Saúde (Sesab) notificaram as Prefeituras Municipais de Caetité, Lagoa Real e Livramento de Nossa Senhora, na região Sudoeste do Estado, a suspenderem, preventivamente, o consumo de água de seis poços e mananciais superficiais que são utilizados por parte da população da zona rural destes municípios. Em especial, familias moradoras no entorno da unidade de extração e beneficiamento de urânio da empresa Indústrias Nucleares do Brasil (INB), onde teria acontecido o derramento de urânio que atingiu os mananciais.

Os resultados da última campanha de coleta de amostra de água na região, realizado no final de setembro pelo INGÁ, comprovam a presença de radioatividade alfa e beta acima do permitido pela portaria 518/04 de potabilidade de água do Ministério da Saúde.

Segundo informações da assessoria de imprensa do INGA, os seis pontos são: Torneira do Chafariz público do povoado de Maniaçu (Caetité); Caixa d’água da fazenda Paio (Livramento de Nossa Senhora); Caixa d’água da fazenda Goiabeira (Lagoa Real); margem da Lagoa Grande (Lagoa Real); cacimba em frente ao colégio Dom Eliseu, do povoado de Lagoa Grande, no município de Lagoa Real; e Açude Cachoeirinha “Tanque do Governo” (Caetité).

Neste mês de novembro novas análises detalhadas foram realizadas pelo INGÁ nos mesmos locais para investigar qual o elemento que está provocando a radiação na água. A investigação vai apontar de onde vem o elemento emissor de radioatividade dos poços artesianos e lagoas da região, além da indicação do melhor tratamento para se retirar o elemento radioativo da água. A previsão de divulgação destes resultados é de 20 dias.

Bahia em Pauta vai acompanhar com toda a atenção e responsabilidade que o assunto merece.

(Postado por Vitor Hugo Soares, com informações do INGA, Correio da Bahia, entidades de defesa ambiental e moradores de Caitité)

nov
08
Posted on 08-11-2009
Filed Under (Municípios, Newsletter) by vitor on 08-11-2009

Juazeiro:bandidos atacam pelo telefone
juazeiro

=====================================================

GRAZZI BRITO

JUAZEIRO (BA) – O golpe do falso seqüestro é antigo no País, mas segue causando pavor a muita gente e desassossego nas famílias, a exemplo do que aconteceu com muitos juazeirenses durante esta semana. O golpe na verdade é um trote telefônico em que um falso seqüestrador liga para uma residência e informa o seqüestro de uma pessoa da família, geralmente filho ou filha. Em troca a pessoa pede que um determinado valor seja colocado em créditos em um celular pré-pago com prefixo do Rio de Janeiro.

A professora Naila Pereira, conta que estava só em casa, na quinta feira (05), quando recebeu o telefonema. Em uma ligação a cobrar o bandido dizia estar com filho dela e o mataria se ela não realizasse uma recarga de R$ 20.000 em celular que ele passou o número. “Entrei em desespero ele dizia que ia jogar gasolina e queima-lo, ouvia o choro e os gritos de um rapaz que no momento acreditei ser realmente meu filho”, conta ainda abalada.

Naila foi socorrida por vizinhos e conseguiu localizar o filho antes de ser mais uma vítima desse golpe que já há algum tempo acontece no país, mas ainda incomum aqui na cidade. Nesse mesmo dia mais quatro pessoas do mesmo bairro receberam o trote, uma delas chegou a realizar a uma recarga no valor de R$ 180,00.

Para a polícia, a informação é a melhor arma para combater esse crime. A pessoa não deve se amedrontar diante das ameaças. É aconselhável que a família troque mais informações entre si, de forma que uns saibam sempre onde estão os outros, seus horários cotidianos e como localizá-los com rapidez.

Uma das coisas que mais revoltante nesse golpe é saber que as ligações geralmente partem de dentro dos presídios e que mesmo presos esses criminosos têm acesso a celular e conseguem mesmo enjaulados colocar em pânico as famílias e os cidadãos de bem, que sob forte pressão psicológica, acaba por fornecer, sem saber, informações úteis para o criminoso, como o próprio nome do “seqüestrado”.

Em Salvador também, neste fim de semana, várias pessoas receberam telefonemas de bandidos, com o mesmo tipo de ameaça.

Grazzi Brito, jornalista, mora em Juazeiro, no Vale do Rio São Francisco

Paulo Souto em Juazeiro/ Foto Enfoque
PSouto
==================================================

GRAZZI BRITO

JUAZEIRO (BA)- O ex-governador Paulo Souto também veio marcar terreno no Vale do São Francisco. Ele esteve em Juazeiro, no último fim de semana e não economizou críticas ao governo Wagner, o democrata disse ver decepção e desencanto nas pessoas, e a causa disso está “nesse governo que está prestes a terminar. Isso que está aí não dura para sempre”, prestes a terminar pode estar ou não, já que pode ser reeleito no próximo pleito.

“É um governo que só pensa em política, nos interesses do partido, no emprego dos companheiros. Política é importante, o partido é importante, mas esse governo só faz alguma coisa pensando nas eleições de 2010; coopta deputados, prefeitos, distribui empregos. Só não realiza obras e nem consegue pensar nos interesses da população”, atacou.

Talvez a confiança e o otimismo de Souto tenham sido reforçados pela notícia de que uma enquête realizada em uma rádio da cidade, de bastante audiência, apontou seu nome como favorito para ser o próximo governador da Bahia, embora gato escaldado tenha medo de água fria, lembrando a campanha e as pesquisas de 2006.

ATÉ O HOSPITAL

A gestão do tão bem falado Hospital Regional de Juazeiro, que brilha nas propagandas do Governo Estadual também foi criticada por Paulo Souto. “A única obra desse governo, com três anos de atraso, entregue a um instituto que não deu certo em Petrolina e ouço cada vez mais reclamações que não estão sendo oferecidos os serviços prometidos”, e nessa ele não está sozinho durante essa semana alguns vereadores usaram a tribuna da câmara municipal para fazer queixas do atendimento nesse hospital.

“Graças a Deus as pessoas não perderam a esperança. Tenho falado sempre às pessoas que me procuram que entendo esse sentimento de desesperança, de frustração, algumas vezes chega até a um sentimento de revolta, mas o que eu sempre peço é não percam a esperança. Sempre há forma de trilhar um caminho novo, de mudar o que está acontecendo com a Bahia”, disse em tom de motivação.

Amanhã (05) é a vez do governador Jaques Wagner visitar a cidade, para compromissos oficiais. Esse é o ritmo da campanha política 2010, embora nenhum deles assuma que essas visitas têm esse propósito, pelo menos, por enquanto!

(Grazzi Brito, jornalista, mora em Juazeiro, região do Vale do São Francisco )

Fotos e com informações: Enfoque comunicação

out
29

Onça pintada: preservação
onpintada
===============================================

GRAZZI BRITO

JUAZEIRO ( BA) – O Ministério do Meio Ambiente e o Instituto Chico Mendes aceleram suas ações para criar, em conjunto, o Parque Nacional do Boqueirão da Onça numa área que abrange 862.000 hectares no Estado da Bahia. A área completa prevista para o parque compreende parte dos municípios de Sobradinho, Juazeiro, Campo Formoso, Umburanas e Sento Sé.

A proposta deste novo Parque Nacional, localizado no Vale do Rio São Francisco e áreas próximas é, segundo seus idealizadores, proteger “as belezas cênicas, a vegetação e biodiversidade do local, o bioma caatinga e espécies animais em extinção, entre elas a onça-pintada”. Ao lado daso das boas intenções ecológicas do projeto, aparecem também preocupações sociais e humanas, como o desalojamento de populações inteiras na região, como na época da construção da barragem de Sobradinho.

As audiências públicas para discussão com a comunidade sobre o projeto aconteceram no final do ano passado, quando surgiram muitas dúvidas e críticas por parte da população local. Por dois aspectos, em especial, a área tomada de alguns municípios. De Sento Sé, por exemplo, de acordo com a proposta inicial, o parque ficaria com 49,40% da área municipal. Outro ponto é a desapropriação de terras e a indenização dos nativos sertanejos.

O projeto ainda está em fase de implantação, teve seu inicio em 2000, no governo do então presidente Fernando Henrique.De acordo com o art. 11 da lei n° 9.985 de 18 de julho de 2000, o Parque Nacional tem como objetivo a preservação de ecossistemas naturais, possibilitando a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação e interpretação ambiental. Ainda de acordo com a lei, o Parque Nacional é de posse e domínio públicos e as áreas particulares incluídas em seus limites devem ser desapropriadas.

A preocupação dos poderes públicos, dos sindicatos de trabalhadores rurais das cidades envolvidas e de organizações como o Instituto Regional de Pequena Agropecuária Irrigada (IRPAA); a Federação dos Trabalhadores da Agricultura do Estado (FETAG) e a Comissão Pastoral da Terra (CPT) é, justamente, quanto ao destino que terão as pessoas que vivem na região. Estima-se que cerca de 700 famílias tenham que ser deslocadas com a execução do projeto, drama semelhante ao que ocorreu na mesma região com a construção da Barragem de Sobradinho na década de 70.

Então, em pleno período da ditadura militar, surgiu um forte movimento de defesa das populações desalojadas sem as indenizações devidas, assumido pelo ex-bispo de Juazeiro, Dom José Rodrigues , que ainda hoje é lembrado como “o bispo dos excluídos”.

ESPERANÇA E PREOCUPAÇÃO

Para o Sr. José Gomes, morador de Sento Sé, esta é uma questão que remete muito a época da criação da barragem de Sobradinho, muitas terras foram desapropriadas e até hoje as pessoas não receberam valor nenhum referente à desapropriação. “O Governo Federal não cumpre o que promete, tenho aqui um documento com mais de quarenta processos por reparação de danos, da época da barragem em que o governo nunca chegou a um acordo conosco. Por que agora seria diferente?”, questiona ainda hoje o morador da regão.

Além disso, sobre as famílias residentes dentro da área do parque, foi informado que seriam desapropriadas e receberiam dinheiro depois da avaliação da terra e se tiverem escritura do terreno.Poucas famílias possuem esse documento.

A preservação ambiental é, sem dúvida, de suma importância. Mas alguns questionamentos também são importantes.

Será que o governo vai realmente cuidar desse parque? Veja o exemplo do parque nacional da Capivara que é 8 vezes menor do que o do Boqueirão da Onça e encontra-se em mau estado de conservação.
As populações atingidas realmente serão relocadas dignamente? É isso que vem afligindo as famílias da região.

Grazzi Brito, jornalista, mora em Juazeiro (BA), região do Vale do São Franscisco.

Pages: 1 2 3 4 5

  • Arquivos

  • dezembro 2017
    S T Q Q S S D
    « nov    
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031