A Grã-Bretanha iniciou a retirada de seu pessoal diplomático em Teerã após o ataque à embaixada ocorrido ontem(29), anunciou a diplomacia britânica.

«Na sequência dos acontecimentos de ontem e para garantir a sua segurança, o pessoal está saindoair de Teerã», disse um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, confirmando assim informações de fontes diplomáticas no local.

Entretanto, o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse estar «chocado e indignado» com o ataque à embaixada levado a cabo por manifestantes islâmicos.

A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, também condenou, de forma veemente, o ataque à representação diplomática, definindo-o como uma afronta ao povo britânico e à comunidade internacional, tendo afirmado ainda que os Estados Unidos esperam que o governo do Irã proteja a vida e propriedade dos diplomatas.

Ban Ki-moon e Hillary Clinton falavam em Busan, na Coreia do Sul, à margem de um fórum para o desenvolvimento.

Dezenas de manifestantes entraram na terça-feira na embaixada do Reino Unido em Teerão, sem oposição da polícia, e substituíram a bandeira britânica pela iraniana.

(Com informações do portal europeu TSF)


===================================
O samba deste clip gravado por Jackson do Pandeiro no LP “Evocação V ” é de autoria de Geraldo Pereira e Elpídio Viana (1980)

BOM DIA!!!


ALB:eleição dos destaques do Executivo quebra letargia

====================================

OPINIÃO POLÍTICA

Demonstração de prestígio

Ivan de Carvalho

O plenário da Assembléia Legislativa da Bahia outorgou, no começo da noite de ontem, por votação em plenário, ao secretário estadual de Infraestrutra, vice-governador Otto Alencar, o “Prêmio Dirigente Nota 10 do Estado da Bahia”.

Se quisermos fazer uma breve história dessa história, cabe ir buscar a origem de tudo no começo da década de 70, quando o deputado Afrísio Vieira Lima, então presidente da Assembléia, propôs e obteve da Casa a aprovação para criar o Prêmio Quintino de Carvalho, homenagem ao formulador e primeiro editor geral da Tribuna da Bahia, jornal que deflagrou uma revolução na imprensa baiana.
Afrísio havia sido colega de Quintino no ginásio e haviam feito forte amizade. Mas, nem três anos completara a Tribuna da Bahia, nascida em 21 de outubro de 1969, e já um câncer de pulmão – o jornalista era um fumante intensivo – com metástase cerebral roubava à imprensa da Bahia o seu reformador naquela fase. Daí a idéia da homenagem, do prêmio, que continua existindo e em cuja primeira edição me foi atribuído. Uma honra e uma satisfação muito pessoal para mim, pois era “primo carnal” de Quintino.

Com o tempo, foram criados prêmios semelhantes, com outros homenageados, para os radialistas e, finalmente, com o advento da Internet, para jornalistas que atuam em sites e blogs. Também o Comitê de Imprensa da Assembléia Legislativa (entidade independente, não subordinada à estrutura política ou administrativa do Legislativo) decidiu criar um prêmio para os quatro parlamentares de melhor desempenho a cada ano e um prêmio especial para algum deputado que conseguisse, durante os quatro anos de uma Legislatura, obter os prêmios anuais de “Destaque Parlamentar”.

Ontem, os integrantes de Comitê de Imprensa escolheram os quatro (que foram cinco) melhores deputados do ano – Marcelo Nilo, presidente da Assembléia, com 20 votos; Bruno Reis, do PRP, oposicionista, com 13 votos; Luiza Maia, do PT, Reinaldo Braga, do PR e líder da oposição e Zé Raimundo, do PT, com 12 votos cada um dos três. Zé Neto, líder da maioria e do governo, ficou de fora por um voto – teve 11.

O que poucos imaginariam aconteceu, no entanto, com uma resolução proposta pelo deputado Ângelo Coronel e aprovada pelo plenário em 7 de julho último. Os deputados decidiram escolher o “dirigente nota 10”, mas especificando, no anexo da Resolução 1508, que seria atribuído o “Prêmio Dirigente Nota 10 do Estado da Bahia” a um gestor do 1º escalão (secretário de estado) e a um gestor do 2º escalão (diretor geral, presidente de órgão ou de empresa pública), com exclusividade para o Poder Executivo. Poder Judiciário e Ministério Público excluídos, bem como, logicamente, claro, o Poder Legislativo.

Bem, o secretário de Infraestrutura, Otto Alencar, que já tem destacada presença política pela importância da pasta que comanda, pelo fato de ser o vice-governador e por ser o criador e presidente do PSD na Bahia, ganhou disparado, com 16 votos. Como secretário, pois o prêmio não pode ser atribuído por ser o escolhido governador nem vice-governador nem presidente de partido.

Destacando mais ainda o prestígio de Otto Alencar entre os deputados estaduais, registre-se que o agraciado com o prêmio no segundo escalão foi o diretor geral do Derba, Pontes de Souza, com nove votos. O Derba é vinculado à Secretaria de Infraestrutura, comandada por Otto.


Otto:consagração e polêmica ALB
==============================

Os jornalistas que cobrem a Assembleia Legislativa da Bahia escolheram ontem os destaques parlamentares deste ano. Foram escolhidos os deputados Marcelo Nilo (PDT), presidente da Casa, com 20 votos, Bruno Reis (PRP), com 13 votos e empatados Luiza Maia (PT), Reinaldo Braga (PR) e Zé Raimundo (PT), com 12 votos cada.

Na mesma tarde, foram escolhidos pelos deputados o secretário e vice-governador Otto Alencar (PSD) e o diretor do Derba, Saulo Pontes, como destaques do Poder Executivo. Esse novo prêmio foi instituído este ano, fruto de um projeto de resolução do deputado Angelo Coronel (PSD), que amplia a premiação que é dada, anualmente, a jornalistas e deputados, para secretários e dirigentes estaduais.

Essa nova eleição causou muita polêmica entre os deputados. O presidente da Assembleia Legislativa, Marcelo Nilo (PDT), tinha decidido anunciar apenas os mais votados. O deputado Paulo Rangel (PT) não concordou e pediu uma questão de ordem para que fosse anunciada a lista completa dos votados. Segundo o petista, para que os secretários e dirigentes estaduais saibam como são vistos pelo Parlamento. A atitude de Rangel acordou a oposição, que deu início às provocações, do tipo: ‘Olha a vendetta do deputado Paulo Rangel’, afirmou o deputado Targino Machado (PSC), ‘o deputado Paulo Rangel prestou hoje um serviço à democracia’, disparou.

Aí está o resultado da ‘polêmica’ votacão do Pêmio Dirigente Nota 10:

Dirigentes estaduais:

O pior avaliado no quesito empresa pública foi Julio Rocha, do Inema, nenhum voto, com direito a ressalva ‘irônica’ do presidente do Poder Legislativo; Saulo Pontes, Derba, 8 votos; Davidson Magalhães, Bahiagás, 3; Abelardo Oliveira, Embasa, 3; Paulo Emilio, ADAB, 3; José Vivaldo, CAR, 7; Alexandre Brust, CBPM, 3; Bento Ribeiro, CERB, 7; Milton Villasboas, Conder, 2; Reginato da Rosa, Darc,1; Elionaldo Teles, EBDA, 1, e Emerson Leal, Sudic, 1.

Secretários estaduais:

Otto Alencar, 16 votos; Eduardo Salles, Agricultura, 9; Manoel Vitório, Administração, 1; Nestor Duarte, Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização, 2; Robson Almeida, Comunicação, 2; Wilson Brito, Sedir, 1; Cícero Monteiro, Sedur, 2; Osvaldo Barreto, Educação, 3; Almiro Sena, Justiça, 4; Veralucia Barbosa, Políticas para as Mulheres, 2; Jorge Solla, Saúde, 5; Maurício Barbosa, Segurança, 2; Domingos Leonelli, Turismo, 3 e os dois mais ‘festejados’ no plenário foram os secretários Carlos Brasileiro, Secretaria de Combate a Pobreza; e Paulo Câmara, Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, nota zero.

Vai dar samba na Bahia para o resto da semana e do ano.

nov
30
Posted on 30-11-2011
Filed Under (Artigos) by vitor on 30-11-2011


=================================
Humberto, hoje no Jornal do Comercio (PE)


=======================================
boa noite!!!

nov
29
Posted on 29-11-2011
Filed Under (Artigos) by vitor on 29-11-2011

=================================
Deu no jornal português Diário de Notícias

por Ana Baptista

A Galp Energia (empresa petrolífera de Portugal) descobriu mais petróleo no Brasil, desta vez no poço Biguá, no bloco BM-S-8 da Bacia de Santos, comunicou hoje a empresa à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A petrolífera portuguesa, que neste projeto está em consórcio com a brasileira Petrobras e com a britânica Shell, explica que o petróleo encontrado é de boa qualidade, mas que agora serão conduzidos novos estudos que “permitirão uma melhor avaliação da extensão dessa descoberta”.

nov
29


Capiberibe recebido Sarney: trégua pelo Amapá

===================================

DEU EM O GLOBO

Impedido de assumir o mandato pela Lei da Ficha Limpa e adversário político do grupo do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), João Capiberibe (PSB-AP) foi empossado agora à tarde diante de um plenário abarrotado de militantes e lideranças do PSB. Sarney fez questão de presidir a sessão e desejar êxito ao adversário político. No discurso de posse, o novo senador lembrou as diferenças com Sarney, mas propôs que os dois deixassem o passado de lado e fizessem uma parceria em defesa de melhorias para o Amapá.Além de ter a candidatura impugnada pela Lei da Ficha Limpa 48 horas antes da eleição de 2010, Capiberibe teve o mandato cassado em 2004 pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pela acusação de compra de dois votos por R$ 28, pagos em duas parcelas. Nesta terça, Capiberibe lembrou o episódio.
– Naquele dia o odor de conspiração dominava o plenário – disse Capiberibe, que à época acusou o grupo de Sarney de articular sua cassação para que assumisse como senador o peemedebista Gilvam Borges, o mesmo que vinha ocupando sua vaga até semana passada.
Antes de entrar no plenário, Capiberibe, cercado por aliados, disse que no discurso iria dar “uma alfinetada de leve” em Sarney. Realmente, de leve, ele lembrou as divergências, mas acenou com bandeira branca.
– Não vou mentir. É notório que existem diferenças com o presidente Sarney. Mas isso não será obstáculo para atender as demandas do povo que me elegeu – discursou Capiberibe, propondo parceria em um projeto a ser encaminhado à presidente Dilma Rousseff, para enfrentar graves problemas de infraestrutura do Amapá, governado pelo seu filho Camilo Capiberibe.
Ao invés de atacar diretamente Sarney, Capiberibe desviou sua metralhadora para o TSE.
– A única prova que tem nos autos é o depoimento de duas mulheres que me acusaram de comprar seus votos por R$28 pagos em duas parcelas. Uma história rocambolesca. A deputada Janete (Capiberibe, do PSB do Amapá) também foi cassada só por ter Capiberibe no nome – acusou o senador, completando:
– O TSE resolveu jogar para a plateia no julgamento da ficha limpa e me impôs a terceira cassação.
Com sorrisos amarelos, tentando aparentar tranquilidade, Sarney não criou nenhuma dificuldade para a festa de posse de seu desafeto. Não impediu nem mesmo que o plenário fosse invadido por quase meia centena de convidados de Capiberibe e do senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE). Quando a claque gritava muito, ele limitava-se a apertar a campainha para pedir silêncio.
Fazendo as honras da Casa, chamou para a Mesa o governador Camilo Capiberibe, e o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, ambos filiados ao PSB.
– A Mesa congratula-se e deseja êxito para o seu mandato – limitou-se a discursar Sarney.
O presidente do PSB e governador de Pernambuco, Eduardo Campos, prometeu prestigiar a posse, mas não apareceu.
– Ele disse que vinha e ia trazer uma garrafa de vinho, uma de cachaça e uma de cerveja, mas não apareceu – lamentou Capiberibe.
O próximo da fila a tomar posse do mandato suspenso pela Lei da Ficha Limpa é Jader Barbalho (PMDB-PA). Mas seu processo está empacado no Supremo Tribunal Federal (STF).

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/pais


Diogo e Beth esta noite no Samba na Gamboa
================================================

DICA DE MARIA OLÍVIA PARA O BAHIA EM PAUTA

Os bambas estão de volta à tela da TV Brasil. O Samba na Gamboa, apresentado por Diogo Nogueira, traz muitas novidades na sua terceira temporada que começa hoje, dia 29, às 23h, na TV Brasil. A tradicional roda de samba das terças-feiras na TV Brasil continua com seu estilo tradicional, mas novas pinceladas vão ilustrar o programa, a exemplo de depoimentos sobre os entrevistados do dia, imagens de arquivo, making of e fotos pessoais do convidado.

“As entrevistas estão mais intimistas, em tom de testemunho, num diálogo direto entre câmera e entrevistado. Mas a melhor parte que é a música não vai faltar. Nomes como Caetano Veloso, Monarco, Noca da Portela, Paulo César Feital, Jorge Aragão, estão entre os convidados dessa temporada”, informa a emissora. – Outro destaque é um especial sobre São Paulo, Samba da Garoa, com cinco programas dedicados ao tema. Eles misturam novos e tradicionais artistas como o grupo Demônios da Garoa e representantes do pagode, Netinho de Paula e Salgadinho, acrescentou.

No programa de estreia, Diogo Nogueira recebe a cantora Beth Carvalho e o músico Hamilton de Holanda vão celebrar o centenário do grande filósofo do samba, Nelson Cavaquinho. Músicas como Juízo Final, A Flor e o Espinho e Folhas Secas estão no repertório da noitada na TV Brasil, que, apesar do horário, promete homenagear à altura o grande mangueirense Nelson Cavaquinho e seus temas tristes. Fique ligado.

Maria Olívia Soares , jornalista, é colaboradora do BP


====================================
Salve Harrisson, um músico superlativo e figura humana essencial.

BOM DIA!!!

(VHS)

Pages: 1 2 ... 1894 1895 1896 1897 1898 ... 2153 2154

  • Arquivos

  • junho 2019
    S T Q Q S S D
    « maio    
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930