Professora no aeroporto debocha de passageiro

================================================================
===============================================================

DEU EM O GLOBO.COM

Professores universitários de diferentes instituições do Rio se envolveram numa polêmica ao fazer comentários irônicos sobre um passageiro que estava na sala de embarque do Aeroporto Santos Dummont. Em sua conta no Facebook, a professora de Letras da PUC-Rio, Rosa Marina de Brito Meyer, postou a foto de um homem sentado a uma mesa, aparentemente esperando para entrar no avião. De bermuda e camiseta regata, o cidadão foi alvo de chacota.

“Aeroporto ou rodoviária?”, era a legenda que acompanhava a foto de Rosa Marina na rede social, publicada na noite desta quarta-feira. No início da noite desta quinta-feira, veio o pedido de desculpas.

“Sabedora do desconforto que posso ter criado com um post meu publicado ontem à noite, peço desculpas à pessoa retratada e a todos os que porventura tenham se sentido atingidos ou ofendidos pelo meu comentário. Absolutamente não foi essa a minha intenção”.

Veja também

Parafernalha retrata diferentes tipos de alunos em vídeo
Xuxa inaugura Colégio Estadual Hebe Camargo, na Zona Oeste
Professores gravam vídeo para explicar ‘rolezinhos’ aos alunos
Jovem usou empregada doméstica para burlar sistema de cotas na Uerj

A página da professora Rosa Marina é fechada para pessoas que não são amigas dela na rede social. Entretanto, na tarde desta quinta-feira, o polêmico post com a foto foi reproduzido, em tom bastante crítico, pela personagem Dilma Bolada em sua página, que tem mais de 1 milhão de seguidores. Milhares de pessoas compartilharam a postagem da personagem.

Professores que haviam comentado o post com a foto também foram criticados. O reitor da Unirio, Luiz Pedro Jutuca, escreveu que “o ‘glamour’ foi para o espaço”, e foi respondido pela própria docente da PUC-Rio: “Puxa, mas para o glamour falta muuuito! Isso está mais para estiva.”

A coordenadora de graduação e professora da PUC-Rio, Daniela Vargas, acrescentou, ainda na quarta-feira: “hehe. E sabe o que é pior? quando esse tipo de passageiro senta exatamente ao seu lado e fica roçando o braço peludo no seu, porque – claro – não respeita (ou não cabe) nos limites de seu assento”.

Procurada pelo GLOBO, Daniela Vargas também pediu descuilpas pelo que escreveu:

- O que me resta é pedir desculpas por um comentário infeliz. Não posso dizer outra coisa, embora não soubesse que o post era tão público. Obviamente, não tinha a menor intenção de ofender ninguém.

Comentários

edna on 7 fevereiro, 2014 at 5:40 #

o que dá vergonha é saber que os cometários vieram de professores universitários… eita brasil.


luiza mel on 7 fevereiro, 2014 at 6:09 #

Isso porque ela é professora UNIVERSITÁRIA kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


RONALDO SOARES DE OLIVEIRA on 7 fevereiro, 2014 at 10:16 #

ESTA PROFESSORA CANALHA DEVERIA SE PROIBIDA DE DAR AULAS. O MEC DEVE CASSAR-LHE O DIPLOMA, ASSIM COMO O REITOR E OS PROFESSORES QUE LHE FORAM SOLIDÁRIOS.POBRES
ALUNOS COM ESSES “MESTRES”… (Ronaldo S. Oliveira)


Jorge on 7 fevereiro, 2014 at 10:22 #

Na verdade, pessoas preconceituosas são dignas de pena. Por que será q essa senhora se imagina superior àquele senhor que, sabe lá como conseguiu recursos para viajar de avião? Pode observar, esses entes superiores são objeto das maiores desgraças… Família desintegrada, filhos problemáticos… Não tenho nenhum apreço por essa senhora.


Guto on 7 fevereiro, 2014 at 10:43 #

Oras, assim como o cidadão tem direito de viajar de regata e bermuda, a professora e qualquer outro tem direito de achar isso feio e inconveniente. O único erro foi ter colocado a foto de uma pessoa que ela nem conhece, expondo assim o sujeito, mas a opinião dela é um direito que lhe cabe e ninguém pode condená-la por isso.


Cida Torneros on 7 fevereiro, 2014 at 11:00 #

Sinto-me incomodada pelos preconceitos que observo nas chamadas redes sociais. Estreitos preconceitos, escrevi até oequeno artigo no meu blog, mas, na verdade, há mesmo uma hipocrisia submersa entre nós, em âmbitos diversos, passando por não aceitação do que é diferente, tanto faz, em opção sexual, em religiosidade, em ideologia política, em classe social, em nivel cultural, etc.


Marco on 7 fevereiro, 2014 at 13:03 #

Como essas pessoas são hipócritas, a professora tá certa sim, se o cara quer andar de avião que pelo menos se vista bem, as vezes dá a impressão que pessoas mal vestidas vão assaltar a gente. Imagina sentado ao lado de um pobretão mal vestido e suado por algumas horas, haja sufoco. As passagens são caras e no mínimo deveria ser barrado esses sem berços. Imagina quando os europeus vieram pra copa e ter esses tipinhos no avião, vai ser uma vergonha nacional!


Priscilla Turrer on 7 fevereiro, 2014 at 14:45 #

Definitivamente estou chocada com isso tudo, ela é que é pobre de espírito….uma infeliz!!!! Trabalho com o homem de “rodoviária” e ela tem que tem a certeza de uma coisa ele com certeza é bem melhor em todos os sentidos que ela……e com certeza mais dinheiro que ela ele tem!!!!! ESSA PESSOA QUE SE DIZ PROFESSORA É UMA PERFEITA IMBECIL E VAI TER UMA FORTE SURPRESA AO SABER DE QUEM SE TRATA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK


Aurelio on 7 fevereiro, 2014 at 16:04 #

Marco, quando foi que a CLASSE “ALTA” começou a definir como as pessoas devem se vestir? Quando foi que vc teve algum berço? Berço no sentido exato da palavra, não tenho duvidas que o seu deve ter sido de ouro, mas berço no sentido de educação, tcs tcs tcs, sua família “RICA” foi muito falha. Nota-se por este comentário que vc fez. E outra, se não esta satisfeito com a diversidade de nosso pais, vai pra EUROPA, ou será que seu dinheiro não é suficiente para ostentar fora do país tbm!


Patrícia on 7 fevereiro, 2014 at 20:37 #

Meu Deus, por onde andas nosso sistema educacional, são “educadores” dos nossos futuros profissionais. SR. reitor da Unirio, Luiz Pedro Jutuca e colegas professores, entrem imediatamente em um processo de formação continuada, para entenderem mesmo que minimamente de exclusão social e educacional. Talvez os senhores sejam vítimas de tal mal, talvez?


Lilyane on 7 fevereiro, 2014 at 20:47 #

Ela não deve ter tomado nenhum voo em Miami ou em outras cidades americanas em pleno verão. Foi lá a primeira vez que vi passageiros de bermudas e sandálias.


Marcia Dourado on 8 fevereiro, 2014 at 13:01 #

Será que essa professora teve a educação, civilidade e decência de pedir autorização para o uso da imagem desse senhor?
Como uma pessoa “das letras” infringe tão negligentemente direitos da personalidade? Lamentável!


Jolemia on 8 fevereiro, 2014 at 17:29 #

Doutora ou Ignorante?


Lília Abitbol on 8 fevereiro, 2014 at 23:13 #

Atualmente estamos vivendo a ditadura dos Politicamente Corretos. As pessoas têm o direito de falar o que pensam e o que têm vontade. Ela causou aversão moral, mas pelo menos foi sincera com seus princípios e crenças e ponto final. Vcs esquecem que nos vivemos em uma democracia? O povo hipócrita!


Claudio Napoleão on 10 fevereiro, 2014 at 14:40 #

O Marco é como definir, no mínimo estranho!!!!

Ele deve ser daqueles que ficam se arrumando diante do espelho, e perguntando para louc refletida, de como ele esta.


ronaldo ferraz on 10 fevereiro, 2014 at 16:00 #

Se a professora se acha de uma casta superior, porque não anda de jatinho com sua amiga daniela vargas.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments: