mar
07
Postado em 07-03-2017
Arquivado em (Artigos) por vitor em 07-03-2017 00:17

DEU NO POR ESCRITO (BLOG DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Temer dirige ônibus quase desgovernado

As metáforas automobilísticas se consolidam como principal argumento de parte do presidente Michel Temer para desvincular-se de acusações de caixa 2 eleitoral que possam caber à ex-presidente Dilma Rousseff, eleita com ele, na mesma chapa, em 2014.

Inicialmente, foi o próprio Temer quem disse que “responsabilizar o vice responsabilizando o presidente é mais ou menos como o sujeito que atropela alguém, o condutor é condenado, mas como eu estava sentado ao lado eu vou ser condenado também”.

Agora, informa-se que assessores anônimos do presidente, nos bastidores, vêm defendendo a tese de que “uma pessoa que está sentada no banco do passageiro não pode ser multada por infrações cometidas pelo motorista”.

O simplismo da argumentação é um insulto à nação, pois ambos formaram uma unidade jurídica e juntos respondem pelos atos de campanha. Sendo verdadeira a acusação, a presidência de Temer tem vício de origem, que não poderá ser esquecido, a menos que os tribunais que nos restam tomem mais uma decisão política.

Para corresponder à linguagem figurada das hostes planaltinas, é fato que o piloto atual até está conduzindo o veículo um pouco melhor que sua antecessora. A questão é que se trata de um ônibus repleto de corruptos – alguns já jogados pela janela –, que precisa de pouco para ficar desgovernado.

Comentários

Taciano Lemos de Carvalho on 7 março, 2017 at 22:11 #

Ônibus desgovernado, pneu estourado, sem freio, sem volante e na beira de um precipício. E o motorista é barbeiro, ruinzinho que só ele. E os copilotos nomeados são uns desastres.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments: