maio
19
Posted on 19-05-2022
Filed Under (Artigos) by vitor on 19-05-2022

O primeiro comício matrimonial da história

Site de campanha Lulaverso alardeia o “casamento do ano”. Ideia de uma festa íntima não sobreviveu à tentação de obter algum lucro político com ela
O primeiro comício matrimonial da história
Reprodução/ Redes sociais
 

Lula e Janja (foto), sua noiva, estão prestes a realizar o primeiro comício matrimonial da história.

Aquela conversa de que eles casariam numa cerimônia íntima, para apenas 150 convidados muito próximos, não sobreviveu à tentação de extrair algum lucro político da festa. Tentação, aliás, visível há muito tempo nas postagens das redes sociais de Janja sobre o caso de amor com seu “Boy”.

Uma página com o nome moderninho de Lulaverso está fazendo alarde do “casamento mais esperado do ano”.  Criou filtro de Instagram para postagens sobre o casório e existe até mesmo a expectativa de que transmita imagens da festa.

Essa não é a página principal da candidatura petista, mas um novo espaço, destinado a facilitar o compartilhamento de conteúdos de campanha por várias redes sociais e ferramentas de mensagens. Uma nota enigmática explica que o site é “produzido por pessoas que já entraram no Lulaverso”.

Bolsonato faz motociata, jegueata e jetskiata, dia sim e outro também. No Lulaverso, casamento é campanha política. O Brasil é uma festa estranha, com gente muito esquisita.

Quizás un dia así”, Chabuca Granda: preciosa gravação da grande compositora peruana – fonte  inspiradora de Caetano Veloso desde o começo da carreira em seu estilo de compor e cantar – aqui em uma de suas criações musicais mais marcantes e de sucesso mundial. Confira e compare com o estilo do artista de Santo Amaro da Purificação, que desde garoto se habituou a ouvir Chabuca.

BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Soares)

maio
19
Posted on 19-05-2022
Filed Under (Artigos) by vitor on 19-05-2022

 

DO CORREIO BRAZILIENSE

Ex-ministro de Bolsonaro e presidenciável pelo Podemos foi internado na UTI do Hospital das Forças Armadas (HFA) na terça-feira (17/5)

DH
Deborah Hana Cardoso
 

 (crédito: Ed Alves/CB/D.A Press)

(crédito: Ed Alves/CB/D.A Press)

Após ser internado na UTI do Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília, na segunda-feira (16/5), o ex-ministro-chefe da Secretaria de Governo de Bolsonaro e presidenciável pelo Podemos, general Santos Cruz, relatou ao Correio nesta tarde (18) estar melhor.

Em uma conversa breve, ele afirmou que ainda está no hospital, mas que se sente “bem melhor”. Segundo informações veiculadas pela imprensa, ele teria tido um princípio de infarto e, por isso, colocado dois stents — pequenas estruturas metálicas inseridas dentro das artérias coronárias para mantê-las abertas, restaurando ou evitando a diminuição do fluxo sanguíneo.

O general não respondeu à reportagem ao ser questionado sobre quando deve receber alta.

maio
19
Posted on 19-05-2022
Filed Under (Artigos) by vitor on 19-05-2022

 

DO CORREIO BRAZILIENSE

De acordo com dirigentes sindicais, a categoria está sem reajuste desde 2016 e as perdas inflacionárias já ultrapassam 31%

FS
Fernanda Strickland
p 

 (crédito: Minervino Junior/CB/D.A Press)

(crédito: Minervino Junior/CB/D.A Press)

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, confirmou, na última terça-feira (17/5), durante reunião com dirigentes do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário e MPU no DF (Sindjus-DF), que será concedido reajuste de 5% para todos os servidores públicos federais, inclusive para os do Poder Judiciário.

Segundo o sindicato, Fux foi questionado pelos dirigentes sobre a forma como será implementado, o presidente do STF disse que o reajuste está previsto para julho e que se dará por meio de revisão geral anual, conforme disposto no artigo 37, inciso X, da CF/88, cujo projeto de lei, de iniciativa do Chefe do Poder Executivo, será encaminhado ao Congresso pelo presidente da República.

Fux ainda destacou o esforço empreendido nas negociações para atender aos servidores do Judiciário com a concessão do reajuste emergencial e que compreende a necessidade de se trabalhar uma reestruturação da carreira, com a construção de um novo Plano de Carreira, Cargos e Salários que contemple os anseios da categoria. Destacou ainda que o atual reajuste vai beneficiar os servidores e magistrados de um modo geral, mas, como não haverá revisão do teto, os ministros e outros magistrados que já têm salários no limite do teto não serão contemplados.

Durante a reunião, a diretoria do Sindjus-DF apresentou dados que comprovam a necessidade de uma recomposição salarial urgente para os servidores do Poder Judiciário da União (PJU) e também da carreira coirmã do MPU, uma vez que estes servidores estão sem reajuste desde 2016, ano da última reposição salarial da categoria, que se deu por meio da Lei nº 13.317/2016.

  • Arquivos