maio
12
Postado em 12-05-2022
Arquivado em (Artigos) por vitor em 12-05-2022 00:11

 

DO CORREIO BRAZILIENSE

Etapa de testes faz parte do rito do processo eleitoral e inclui fiscalização da Polícia Federal

LP
Luana Patriolino

 (crédito: Crédito: Antonio Augusto/secom/TSE)

(crédito: Crédito: Antonio Augusto/secom/TSE)

Em defesa à lisura das eleições, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) simula, nesta semana, novos testes às urnas eletrônicas para afastar a possibilidade ataques cibernéticos às máquinas. A análise já estava prevista, segundo o rito da Corte, mas acontece em meio às críticas do presidente Jair Bolsonaro (PL) ao sistema eleitoral brasileiro.

O processo é chamado Teste Público de Segurança do Sistema Eletrônico de Votação (TPS). Nele, os pesquisadores repetem cinco planos de exportação de vulnerabilidades do equipamento. Esses exercícios foram aplicados em novembro de 2021, na fase anterior do ciclo de testes públicos das urnas.

Desde que foi eleito, Jair Bolsonaro e seus apoiadores afirmam que as eleições de 2018 foram fraudadas e que a chapa teria ganhado em primeiro turno contra Fernando Haddad (PT).

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Maio 2022
    S T Q Q S S D
    « abr    
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031