abr
30
Postado em 30-04-2022
Arquivado em (Artigos) por vitor em 30-04-2022 00:28
O senador do Podemos disse preferir não fazer críticas ao ex-juiz, que deixou o partido para se filiar à União Brasil
Alvaro Dias, sobre Moro: “A política é esse campo minado da inversão de valores”
Reprodução
 

Em entrevista ao Papo Antagonista, o senador Alvaro Dias (Podemos-PR) comentou a migração de Sergio Moro para a União Brasil dizendo que a política é esse campo minado, da inversão de valores, da incompreensão, da injustiça”.

Dias, no entanto, disse que prefere preservar a imagem do ex-juiz por causa dos serviços que ele prestou à nação e se recusou a fazer críticas sobre seu comportamento.

“Eu, sinceramente, em benefício do país e da luta contra a corrupção no Brasil, prefiro preservar a imagem extraordinária do juiz Sergio Moro. A política é esse campo minado, da inversão de valores, da incompreensão, da injustiça. Eu prefiro o legado do magistrado Sergio Moro do que ficar explorando fatos recentes. É fundamental que nós preservemos a imagem daqueles que prestaram serviço à nação. E poucos prestaram tão relevantes quanto prestou Sergio Moro. Por isso, meu respeito a ele e eu me recuso a fazer qualquer crítica em relação ao seu comportamento.”

Repetindo a mesma definição sobre política, o senador disse que a tentativa do centro democrático de construir uma candidatura única que pudesse fazer frente a Lula e a Jair Bolsonaro fracassou por causa da inexistência de um projeto.

“A razão essencial do fracasso é a inexistência de um projeto de nação. […] A política no Brasil é esse campo minado, da inversão de valores, da incompreensão, da injustiça. Eu poderia dizer também da traição, mas o que é fundamental é a inversão de valores. Ao invés de buscarmos um projeto, um conceito de administração pública, um sistema, estamos indo atrás de nomes.”

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos