abr
18
Postado em 18-04-2022
Arquivado em (Artigos) por vitor em 18-04-2022 00:20

DO CORREIO BRAZILIENSE

Presença do presidente causou descontentamento aos torcedores, que vaiaram Bolsonaro várias vezes durante o jogo e, após a vitória dos meninos da Vila, um forte coral ecoou pelo gramado

Td
Talita de Souza
 

 (crédito: Redes sociais/Reprodução)

(crédito: Redes sociais/Reprodução)

A partida entre Santos e Coritiba realizada na tarde deste domingo (17/4) na Vila Belmiro teve um espectador que não agradou a torcida santista: o presidente Jair Bolsonaro (PL). Ele está de folga no litoral paulista e foi ao estádio para ver o jogo. A presença do chefe do Executivo causou descontentamento aos torcedores, que vaiaram Bolsonaro várias vezes durante o jogo e, após a vitória do time da casa, um forte coral ecoou pelo gramado e impediu até mesmo as entrevistas com jogadores.

“Ei, Bolsonaro, vai tomar no c…”, entoavam os presentes no estádio. Um vídeo compartilhado no perfil oficial do Santos mostra o momento em que a equipe do clube tenta entrevistar Léo Baptistão, na saída do campo, mas as declarações são difíceis de serem entendidas devido à altura dos xingamentos contra o chefe do Executivo. Veja:

O presidente estava no camarote do estádio, onde chegou por volta das 10h40, 20 minutos antes de o jogo começar. Assim que os torcedores viram Bolsonaro, começaram a vaiá-lo, além de dispararem alguns xingamentos. Veja:

No intervalo do jogo, Bolsonaro esteve na parte interna do estádio e falou com alguns apoiadores, que pediram apertos de mão e fotos. A visita à Vila Belmiro ocorre quase cinco meses depois da primeira manifestação do presidente em ir até o local, em outubro de 2021. Ele desistiu do plano pela obrigatoriedade de comprovar que foi imunizado contra a covid-19.

“Eu queria ver o jogo dos Santos agora e falaram que tinha que estar vacinado. Para que isso?”, disse na época. A imunização, que mostrou alta eficiência no combate ao vírus que matou mais de 6 milhões de pessoas em todo o mundo, não foi feita por Bolsonaro, que nega ter se vacinado — a informação, no entanto, não pode ser confirmada já que o governo impôs sigilo de 100 anos sobre a carteira de vacinação da autoridade.

Neste domingo, a assessoria do Santos afirmou que o presidente cumpriu os protocolos exigidos para estar no estádio. “Antes de começar, queria deixar claro que o presidente Bolsonaro esteve na Vila Belmiro e cumpriu os protocolos exigidos. Para esclarecer e encerrar, ele cumpriu os protocolos”, disse a assessora do clube antes da entrevista coletiva do técnico do time santista, Fabián Bustos.

O presidente está no litoral de São Paulo desde sexta-feira (15/4), quando chegou ao Guarujá para passar o feriado de Páscoa. O chefe do Executivo está no Forte dos Andradas, instalação militar construída em 1942, durante a Segunda Guerra Mundial. A fortaleza é o refúgio de Bolsonaro: desde quando assumiu o posto de presidente, ele esteve no local 11 vezes.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos