abr
01
Postado em 01-04-2022
Arquivado em (Artigos) por vitor em 01-04-2022 00:20
“Não houve desistência. Houve, sim, um planejamento para que pudéssemos ter aquilo que conseguimos”, disse o governador sobre o “apoio explícito” do partido
Doria admite que “recuo” foi blefe para obter apoio público do PSDB
Reprodução/Governo do Estado de São Paulo/YouTube

Logo após confirmar que irá renunciar ao governo de São Paulo para disputar a Presidência pelo PSDB, João Doria (foto) disse que o comunicado feito a aliados de que desistiria da campanha presidencial e ficaria no cargo foi um blefe para conseguir o apoio público do partido à sua candidatura.

“Não houve desistência. Houve, sim, um planejamento para que pudéssemos ter aquilo que conseguimos, o apoio explícito do PSDB, através de seu presidente, Bruno Araújo. A carta que ele assinou hoje não deixa nenhuma dúvida, nem agora, nem depois”, declarou o governador.

Como publicamos, o entorno de Doria dizia que a ideia dele era ensaiar um recuo da disputa ao Planalto para forçar o apoio público da cúpula tucana após os movimentos de Eduardo Leite,

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos