Arislan Santos Matos foi morto a tiros na zona rural de Itagi, cidade onde atuava como diretor de cultura — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Arislan Santos Matos foi morto a tiros na zona rural de Itagi, cidade onde atuava como diretor de cultura — Foto: Reprodução/Redes Sociais

O diretor de cultura da prefeitura de Itagi, cidade do sudoeste baiano, foi encontrado morto na manhã deste domingo (20), na zona rural do mesmo município.

De acordo com a Coordenadoria de Polícia Civil de Jequié, que atende a região, Arislan Santos Matos, de 33 anos, foi achado com marcas de tiros pelo corpo, na estrada que dá acesso a Palmeira do Pau Brasil, zona rural de Itagi. Diante das circunstâncias, a linha de investigação policial é homicídio.

A autoria e motivação são investigadas. Guias foram expedidas e o corpo do diretor de cultura foi encaminhado para necropsia. Ainda não há detalhes sobre sepultamento. Ele era casado e deixa filhos.

Por meio de nota, a prfeitura de Itagi emitiu nota de pesar pelo falecimento de Arislan Matos. Destacou que além de um excelente profissional, ele era apaixonado pela cidade, pela arte e pela cultura.

Nota de pesar emitida pela prefitura de Itagi, na Bahia, após a morte de Arislan Santos Matos — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Nota de pesar emitida pela prefitura de Itagi, na Bahia, após a morte de Arislan Santos Matos — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos