dez
11
Posted on 11-12-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 11-12-2021

Moro lança livro em teatro lotado em Recife

 

ARTIGO DA SEMANA

Moro em Recife:­­Pés no NE (e a­­ aliança Lula/Sócrates)

Vitor Hugo Soares

Vem de Portugal e de Pernambuco – na pré-campanha às presidenciais de 2022 – dois fatos relevantes nas movimentações preliminares do  jogo de poder nacional. No foco dos holofotes o ex-juiz da Lava Jato, Sérgio Moro, postulante do Podemos, pela Terceira Via, ao Palácio do Planalto, em disputa que se prenuncia eletrizante. No primeiro caso, Moro é o protagonista principal, em razão do sucesso  alcançado domingo, dia 5, no Teatro Rio Mar, em Recife, durante lançamento de seu livro autobiográfico, “Contra o Sistema da Corrupção”, que marcou a viagem na qual “Moro pôs os pés no Nordeste”, na definição do jornal espanhol El País; no título da cobertura do evento.

Os fatos sinalizam para incômodos que os movimentos ágeis e surpreendentes do ex-ministro da Justiça causam nos domínios dos adversários principais: no atual dono do poder, Jair Bolsonaro (provocam abalos na saúde, revelados por familiares e assessores próximos, se não for manobra e eimples malandragem). No ex, Lula, que lidera as pesquisas  mas ainda indeciso para o desafio dos palanques e das ruas, a preocupação é ter seus “espaços sagrados”, principalmente no Nordeste, “invadidos” pelo bolsonarismo e, principalmente por Moro, – sucesso nacionalmente registrado – em sua estada em Pernambuco.

De repente, o contra ataque inesperado. No mesmo dia, na Carta Capital, o artigo, de tons panfletários, do ex-primeiro- ministro de Portugal, José Sócrates, em notória aliança com Lula (velho amigo e colegas de mando) avança contra o símbolo da Lava Jato: “Tudo em Moro é pobre, triste e medíocre”, escreveu o ex- dirigente português na revista brasileira. ”Seu vocabulário é limitado, previsível, e todo o seu discurso se resume ao enfadonho truque de fazer política fingindo detestar a política”, disse, em texto de reduzido conteúdo factual ou de defesa de princípios. Sócrates é ex-presidiário da Operação Marquês (similar da Lava Jato brasileira), ainda enrascado até o pescoço com a justiça, acusado de crimes fiscais, lavagem de dinheiro e corrupção em seu país. Mas fez travessia ultramarina para fustigar o presidenciável do Podemos.

Enquanto isso Moro recebia, em Recife, homenagens de líder político e partidário, adesões impensáveis de prefeitos e líderes municipais e estaduais, aplausos e gestos de aprovação, estímulo e fé, desde sábado, no apartamento do deputado Ricardo Teobaldo (Podemos) e principalmente no Teatro Rio-Mar, no lançamento de seu livro. Aí o ex-magistrado, com passagem acadêmica na Universidade de Harvard, mostrou atributos pessoais, até então desconhecidos, de político. Como  escreveu Flávio Freire, no texto para o El País: “E um canhão de luz foi direcionado a duas cadeiras brancas no meio do palco, uma para ele (Moro), e outra para a jornalista que conduziria a sessão de pergunta s… Moro foi aplaudido de pé por cerca de cinco minutos assim que apareceu de blazer e sem gravata. “Você é lindo, Moro”, gritou uma voz feminina, diante de um ex-juiz sem nenhum traço de timidez e aparentemente maisacostumado com o assédio. Ele riu, esperou a platéia respirar e passou a zanzar de um lado para o outro do palco a fim de conquistar a atenção do público”.
Registro mais, o que ouvi de uma veterana colunista da Rádio Jornal do Comércio: “Um show, um marco”. Ponto.

Vitor Hugo Soares é jornalista, editor do site blog Bahia em Pauta. E-mail: vitors.h@uol.com.br

“Soledad”, Adriana Varela: lindamente forte e bela voz do tango argentino para embalar o sábado no Bahia em Pauta. Confira esta extraordinária interpretação de um clássico do tango portenho.

BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Sares)

dez
11
Posted on 11-12-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 11-12-2021

DO CORREIO BRAZILIENSE

Medo do presidente em relação à candidatura de seu ex-ministro se evidencia em falas e declarações do chefe do Executivo dadas nos últimos dias. Para especialista, é possível que ex-juiz siga crescendo nas pesquisas como terceira via

 
TM
Taísa Medeiros
 

 (crédito: GÊNCIA BRASIL/REPRODUÇÃO)

(crédito: GÊNCIA BRASIL/REPRODUÇÃO)

A possível candidatura do ex-ministro da Justiça, Sergio Moro (Podemos), ao Palácio do Planalto mexe com os ânimos das figuras que estavam pleiteando a vaga de “terceira via” nas eleições de 2022, além de gerar insegurança para o próprio presidente, Jair Bolsonaro (PL).

O chefe do Executivo afirmou, durante live em suas redes sociais, nessa quinta-feira (2/12), que seu ex-ministro é mentiroso. “Esse cara está mentindo descaradamente. Faz um papel de palhaço, sem caráter. Mentiroso deslavado”, disse em transmissão ao vivo. Não apenas Bolsonaro manifestou insegurança: as últimas semanas foram marcadas pela corrida de legendas para marcar posição. Confirmaram as pré-candidaturas à Presidência os senadores Rodrigo Pacheco (PSD-MG) e Simone Tebet (MDB-MS), e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

Moro também assusta por conta do desempenho positivo nas pesquisas. Segundo divulgado na última pesquisa do Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), feita entre 22 e 24 de novembro, o ex-juiz da Lava-Jato apareceu com 11 pontos, três à frente da anterior, de outubro. Enquanto isso, o presidente Jair Bolsonaro caiu três posições, tendo 25% das intenções de voto. Lula manteve o primeiro lugar, com 42%.

“Luz amarela”

A preocupação é maior para Bolsonaro: os três pontos perdidos de um mês para outro foram herdados por Moro. Para o professor de Ciência Política e Relações Internacionais do Insper, Leandro Consentino, o medo do presidente está cada vez mais visível. “Ele deixa claro nas declarações e posicionamentos. A metralhadora do Planalto foi deslocada para o ex-ministro, tirando do alvo por hora o ex-presidente Lula”. O especialista explica que tamanha insegurança se deve ao que Moro “tira” de Bolsonaro, que seria uma possível vaga no segundo turno das eleições. “Isso acende uma luz amarela no Planalto”.

Faltando 11 meses para o pleito, o surgimento de uma terceira via com força suficiente para desmantelar a polaridade já instaurada se torna improvável. É o que analisa o cientista político. “O desafio da terceira via é difícil quando há pulverização de candidatos, mas pode ser que essa novidade do Moro possa mudar ou corrigir esses rumos. Ele é quem tem mais condições de fazer isso neste momento”, avalia. Leandro ainda destaca que, para um crescimento sustentável, Moro terá de aglutinar outros atores políticos em torno de si, tirando o elo mais frágil, que seria Bolsonaro. “Não é uma tarefa fácil”.

dez
11
Posted on 11-12-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 11-12-2021



 

 Amarildo, NA

 

dez
11
Posted on 11-12-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 11-12-2021
Camilla Germano
postado em 10/12/2021 15:25 / atualizado em 10/12/2021 15:34
 

 

(crédito: Reprodução/TMZ)

Nos últimos dias, um vídeo divulgado por um piloto causou repercussão por ar uma suposta aparição alienígena. No registro (disponível no fim da matéria), feito dentro da cabine enquanto o avião sobrevoava em meio a nuvens próximas da costa da Califórnia, pode se ver pequenas faixas de luz, uma ao lado da outra.

tam que as luzes seriam uma frota de Objetos Voadores Não Identificados, os chamados Ovnis. Ao todo, é possível ver cerca de 9 a 12 luzes, que aumentam e diminuem em períodos aleatórios, mas tem ritmo e velocidade constantes. Acredita-se que as imagens tenham sido gravadas há algumas semanas.

No vídeo, é possível escutar o choque do piloto ao presenciar a cena: “Isso é uma merda esquisita. Isso é algo voando”, ele diz. Ele estaria voando a 39 mil pés acima das nuvens californianas.

Segundo o portal TMZ, as Forças Armadas dos Estados Unidos não c o vídeo. O registro foi divulgado pouco tempo após um anúncio da entidade americana instaurando uma “força-tarefa de Ovnis”, medida duramente criticada pela população do país.

  • Arquivos

  • dezembro 2021
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728293031