jul
15
Postado em 15-07-2021
Arquivado em (Artigos) por vitor em 15-07-2021 00:15
 

Na capital paulista, será avaliada a necessidade de uma nova cirurgia. Presidente já foi operado seis vezes desde que sofreu uma facada em atentado em 2018

IS
Ingrid Soares
RS
Renato Souza
 

 (crédito: Alan Santos/PR)

(crédito: Alan Santos/PR)

O presidente Jair Bolsonaro será levado para São Paulo para realizar novos exames para definir se há necessidade de uma cirurgia de emergência. A informação foi divulgada pela Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom), por meio de nota, nesta quarta-feira (14/7).

De acordo com o texto, o médico Antônio Luiz Macedo, que operou o presidente quando ele sofreu uma facada em 2018, constatou uma obstrução intestinal e decidiu pela transferência do presidente. O cirurgião veio de São Paulo para avaliar o quadro do chefe do Executivo. 

Como adiantou o Correio, o quadro clínico do presidente inspira cuidados e chama atenção dos médicos. Ele deu entrada com fortes dores abdominais no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, e logo se suspeitou da obstrução. Caso seja realizado procedimento cirúrgico, será o sétimo a que o presidente é submetido após atentado a facada, em setembro de 2018.

“Após exames realizados no HFA em Brasília, o Dr. Macedo, médico responsável pelas cirurgias no abdômen do Presidente da República, decorrentes do atentado a faca ocorrido em 2018, constatou uma obstrução intestinal e resolveu levá-lo para São Paulo onde fará exames complementares para definição da necessidade, ou não, de uma cirurgia de emergência”, informou o governo.

Bolsonaro chegou a ser sedado e o médico Antônio Luiz Macedo, oncologista que operou o presidente após ele ser atingido com uma facada em 2018, se deslocou ao Distrito Federal para compor a equipe de avaliação. Na capital paulista, ele será internado na Rede D’or.

Internado de madrugada

Bolsonaro foi internado na madrugada desta quarta-feira (14/7), no HFA, depois de sentir dores abdominais após mais de 10 dias com crise de soluços.

O presidente já havia reclamado publicamente dos soluços em várias ocasiões, como na live da última quinta-feira (8/7), quando encerrou a transmissão mais cedo devido ao problema.

Bolsonaro sofreu um atentando a faca durante a campanha eleitoral, em Juiz de Fora (MG), em4  2018 e desde lá passou por seis cirurgias. A última foi realizada no dia 25 de setembro, para a retirada de um cálculo vesical.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • julho 2021
    S T Q Q S S D
    « jun    
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031