jun
30
Postado em 30-06-2021
Arquivado em (Artigos) por vitor em 30-06-2021 15:14
 DO SITE O ANTAGONISTA
Queiroga volta a dizer que vai suspender contrato para compra da Covaxin
À CNN, o ministro da Saúde disse que ‘mão é mais oportuno importar as vacinas neste momento’
Queiroga volta a dizer que vai suspender contrato para compra da Covaxin
Foto: Myke Sena/MS

 

 

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou novamente que a pasta vai suspender o contrato para a compra da Covaxin, diz a CNN. O governo passou a cogitar a possibilidade desde que O Antagonista revelou com exclusividade que Jair Bolsonaro foi informado sobre irregularidades na negociação.

O acordo, firmado pelo valor de R$ 1,6 bilhão para a aquisição de 20 milhões de doses, está na mira da CPI da Covid.

O ministro afirmou à emissora: “Não é mais oportuno importar as vacinas neste momento.”

Como mostramos, o contrato previa o pagamento pelos imunizantes somente após a aprovação do uso emergencial ou definitivo do produto pela Anvisa, o que até hoje não ocorreu.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos