DO CORREIO BRAZILIENSE:

O empresário bolsonarista Carlos Wizard fez um discurso de 20 minutos e depois anunciou que não responderia as perguntas dos senadores na CPI da Covid

CB
Correio Braziliense

 (crédito: Edilson Rodrigues)

(crédito: Edilson Rodrigues)

“Senhor relator, me reservo ao direito de permanecer em silêncio”. Essa foi a frase repetida diversas vezes pelo empresário Carlos Wizard diante das perguntas do relator Renan Calheiros na CPI da Covid nesta quarta-feira (30/6).

O empresário bolsonarista fez um discurso religioso de cerca de 20 minutos no qual justificou sua fuga da demissão e disse “desconhecer” e não ter relação com o gabinete paralelo. “Eu afirmo aos senhores com toda a veemência que jamais tomei conhecimento de qualquer governo paralelo e se porventura esse suposto governo, ou melhor, gabinete paralelo existiu, eu jamais tomei conhecimento”, disse.

“Jamais fui convidado, abordado, convocado para participar de qualquer gabinete paralelo”, prosseguiu. pós o fim do pronunciamento, ele finalizou: “Feitos esses esclarecimentos, por orientação dos meus advogados e em conformidade com o decidido pelo Supremo Tribunal Federal vou permanecer em silêncio. Muitíssimo obrigado”.

 No último dia 16, Luís Roberto Barroso, ministro da Corte, permitiu que o bilionário se calasse na oitiva, mas determinou que ele teria que participar da sessão.

“Rose”, Walmil Lima: Samba na alma !!! Axé, meu povo !!!

BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Soares)

jun
30
Posted on 30-06-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 30-06-2021
 

DO CORREIO BRAZILIENSE

A cerimônia será realizada nos jardins do Palácio de Kensington em 1 de julho, data que marca o aniversário da princesa Diana

VO
Victória Olímpio
 

 (crédito: DANIEL LEAL-OLIVAS/AFP)

(crédito: DANIEL LEAL-OLIVAS/AFP)

Nesta quinta-feira (1/7), uma estátua será instaurada em homenagem a princesa Diana, na Inglaterra. No entanto, o evento, realizado nos jardins do Palácio de Kensington, chamou atenção após revelação de que Kate Middleton não estará ao lado do príncipe William.

De acordo com o Page Six, uma fonte próxima à família real afirmou que “a ausência de Catherine fala muito”. Apesar do público reduzido, foi informado que “manter os números baixos é uma ‘desculpa’ perfeita para Catherine ficar longe. William está farto do drama de Harry e Catherine não precisa ser arrastada para isso”, revelou a fonte.

No início do mês, no nascimento da filha de Harry e Meghan, Lilibet Diana, uma fonte garantiu ao The Mail on Sunday que Harry teria avisado aos parentes por meio de uma mensagem de texto enviada diretamente à sua cunhada, dando lugar aos rumores de que a relação entre os irmãos estaria abalada.

Foi citado ainda o papel de Kate como mediadora do conflito entre os irmãos. “Ela tem cumprido o papel de ponte entre ele (William) e seu irmão (Harry). O William está determinado em que o drama dos Sussex não roube as atenções a este importante momento de lembrança da mãe e mantém-se focado nisso”.

jun
30
Posted on 30-06-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 30-06-2021



 

 Zé Dassilva, NO

 

jun
30
Posted on 30-06-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 30-06-2021
 DO SITE O ANTAGONISTA
Queiroga volta a dizer que vai suspender contrato para compra da Covaxin
À CNN, o ministro da Saúde disse que ‘mão é mais oportuno importar as vacinas neste momento’
Queiroga volta a dizer que vai suspender contrato para compra da Covaxin
Foto: Myke Sena/MS

 

 

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou novamente que a pasta vai suspender o contrato para a compra da Covaxin, diz a CNN. O governo passou a cogitar a possibilidade desde que O Antagonista revelou com exclusividade que Jair Bolsonaro foi informado sobre irregularidades na negociação.

O acordo, firmado pelo valor de R$ 1,6 bilhão para a aquisição de 20 milhões de doses, está na mira da CPI da Covid.

O ministro afirmou à emissora: “Não é mais oportuno importar as vacinas neste momento.”

Como mostramos, o contrato previa o pagamento pelos imunizantes somente após a aprovação do uso emergencial ou definitivo do produto pela Anvisa, o que até hoje não ocorreu.

Como registramos mais cedo, o presidente da República impediu o perfil oficial deste site de acessar as mensagens postadas por ele no Twitter
Kajuru: “Bolsonaro bloqueou O Antagonista por causa do furo sobre possível gravação”
 

O senador Jorge Kajuru (Podemos) disse a O Antagonista acreditar que este site foi bloqueado por Jair Bolsonaro no Twitter, como registramos mais cedo, porque “o presidente da República sabe que foi gravado e vocês revelaram isso”.

“Bolsonaro bloqueou O Antagonista por causa do furo sobre possível gravação.”

O furo foi registrado da seguinte forma por este site, no último sábado, durante entrevista exclusiva dos irmãos Miranda:

“O deputado federal Luis Miranda foi questionado por Diego Amorim, no Papo Antagonista, se ele não teme ser confrontado com a palavra do presidente Jair Bolsonaro sobre os indícios de irregularidades no contrato para compra da Covaxin. Eis a resposta:

“Aí ele [Bolsonaro] vai ter a surpresa mágica. Se ele fizer isso, terei que fazer algo que um parlamentar nunca deveria fazer com um presidente. Ele ficará muito constrangido, muito. Eu tenho como comprovar, mas na hora certa.”

Para Kajuru, Bolsonaro sentiu.

“Como o presidente não desmentiu até agora, o presidente sabe que foi gravado e está pasmo e fulo com vocês. Agora, é uma vergonha que o restante da imprensa não repercuta com os devidos créditos algo tão grave dito no dia seguinte à CPI. Que o nome citado pelo presidente era o de Ricardo Barros era óbvio demais. Que o presidente pode ter sido gravado é outra coisa, foi a grande porrada. Por isso, O Antagonista foi bloqueado pelo Bolsonaro”, disse Kajuru, que também é jornalista.

“Começa Já”, Jackson do Pandeiro: maestria no ritmo, no canto e na alegria da interpretação. Depois dele, em seu esyilo e genialidade criativa, não apareceu ninguém. Confira neste forró a São Pedro.

BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Soares)

jun
29
Posted on 29-06-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 29-06-2021

Autor real afirma que William expulsou Harry do Palácio de Kensington

Brigados, Harry e William ficarão frente a frente no evento de inauguração da estátua da mãe, a princesa Diana, no Palácio de Kensington

Príncipe Harry e WilliamTolga Akmen – WPA Pool/Getty Images
A atenção da mídia e dos súditos está voltada ao próximo encontro dos príncipes William e Harry na quinta-feira (1º/7). Brigados, os irmãos ficarão frente a frente no evento de inauguração da estátua da mãe, a princesa Diana, no Palácio de Kensington. Muito se especula sobre o conflito entre os dois filhos do príncipe Charles. Segundo o historiador Robert Lacey, a rixa entre a dupla começou meses após o casamento dos duques de Sussex, Harry e Meghan Markle, em 2018.

Autor do livro Battle of Brothers, Lacey está prestes a lançar uma edição atualização da publicação dedicada aos irmãos. Conforme investigou o comentarista da realeza, Harry e William tiveram um confronto “feroz e amargo” por causa das queixas de Meghan. As reclamações intimidaram os colaboradores da casa real. Embora a duquesa de Sussex tenha negado as declarações, quem não gostou do disse me disse foi o marido de Kate Middleton.

Em entrevista à Hello! Magazine, o especialista de assuntos da dinastia Windsor revelou detalhes da batalha entre os duques de Cambridge e Sussex. De acordo com Lacey, William foi quem começou a dividir a família real e chegou a pedir ao irmão para sair do Palácio de Kensington. “William expulsou Harry”, disse um amigo em comum da dupla. O pai dos príncipes George, Charlotte e Louis ficou “horrorizado” com o que tinha ouvido dos funcionários e tomou uma atitude drástica.

 
PUBLICIDADE
Paul Grover- WPA Pool/Getty ImagesPríncipes William e Harry
Príncipes William e Harry estão brigados

Na avaliação do historiador, o evento em memória à Lady Di pode ser a oportunidade ideal da dupla pôr um ponto final na série de desentendimentos. “Acho que isso criará um grande progresso”, analisou Robert Lacey em entrevista à Hello! Magazine. “Eles estão vindo de lados opostos do mundo com o propósito expresso de homenagear a mãe e o que mais eles poderiam fazer para homenageá-la do que pelo menos começar a voltar juntos”, acrescentou o escritor.

William e Harry se encontraram pela última vez no funeral do avô paterno, o príncipe Philip. À época, a imprensa especulava que as “feridas seriam curadas”, entretanto não houve uma reconciliação. “Eu não posso acreditar que qualquer um deles gostaria que esta ocasião fosse divisiva. Se eles tiveram todo esse trabalho para erguer um monumento à Diana e o que ela representa e representou, então certamente é o momento para eles alinharem sua própria posição com o que ela teria desejado”, ponderou Lacey.

 
1

Na entrevista, o autor do livro Battle of Brothers continuou a argumentar a respeito da solenidade ser a chance dos irmãos selarem a paz: “E, se naquele momento, eles estão unidos em homenagear Diana, por que não, em outros momentos contínuos do tempo, eles não deveriam estar unidos de outras formas? Afinal, preferiria esvaziar a ocasião de significado se eles apenas se reúnem por causa da estátua e, em seguida, retomam a guerra”.

O duque de Sussex chegou a falar a amigos sobre “querer se reconciliar” com os parentes, e sobre estar disposto a admitir alguns erros que cometeu, conforme apurou Robert Lacey. “Acredito que para William seguir em frente, ele precisaria de alguma garantia de que não haveria mais entrevistas reveladoras”, sustentou o autor. No ponto de vista do comentarista real, para a confiança ser restaurada entre os irmãos, é necessário negociar uma reconciliação séria e discutir tópicos em particular.

Pool/Samir Hussein/WireImage/Getty ImagesPríncipe Harry
Príncipe Harry é neto da rainha Elizabeth II

O especialista em questões da Coroa britânica defende a tese de que o Jubileu de Platina da Rainha, em junho de 2022, pode sinalizar outro ponto de virada no relacionamento de Harry e William. Robert prevê que os duques de Sussex levarão os filhos, Archie e Lilibet, para se juntar à realeza na varanda do Palácio de Buckingham. “As crianças são um importante caminho para a reconciliação”, garantiu.

conteudo patrocinado

 
 

InPixio inPixio Photo Studio 11 – Remova objetos com apenas um clique!
 

King Shoes O tênis mais concorrido de 2021 agora com 70% de desconto!
 

Dr. Julio Benevides – Especialista em Saúde Masculina Truque pouco conhecido faz de qualquer homem em um leão na cama

Outros experts da família argumentam que a caçula de Meghan e Harry, Lilibet Diana, será usada como uma “bebê band-aid” por ajudar a fechar o abismo entre o pai e o tio, William. Quem também entrou em cena a fim de acalmar os ânimos foi a rainha Elizabeth II, avó dos dois príncipes. Uma fonte contou ao The Sun que a monarca aproveitará a oportunidade do duque de Sussex está no Reino Unido para agir como uma pacificadora. Eles se encontraram nessa sexta-feira (25/6).

jun
29
Posted on 29-06-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 29-06-2021



 

 Amarildo, NA

 

jun
29
Posted on 29-06-2021
Filed Under (Artigos) by vitor on 29-06-2021

 

No programa desta segunda-feira, a apresentadora Fátima Bernardes confirmou a informação e lamentou a perda

VO
Victória Olímpio
 

 (crédito: TV Globo/Reprodução)

(crédito: TV Globo/Reprodução)

Mário Márcio Bandarra, ex-diretor do programa Encontro com Fátima Bernardes, da TV Globo, morreu nesta segunda-feira (28/6), no Rio de Janeiro. Aos 66 anos de idade, ele foi homenageado pela apresentadora, que confirmou a morte durante o programa. A causa da morte não foi divulgada.

Além do Encontro, ele dirigiu programas como Malhação, tendo trabalhado na emissora por cerca de 43 anos. “Ele teve complicações de saúde, estava internado também, e infelizmente não resistiu. Os nossos sentimentos para a família toda”, afirmou Fátima.

“O Mário, quando esteve aqui e chegou para dirigir o Encontro, ainda estava bem no início, virou e falou para mim: ‘Fátima, vamos fazer uma coisa?’. Eu disse: ‘Vamos’. E ele: ‘Vamos colocar mais Fátima no Encontro?’. Ele pediu para que eu cada vez mais me mostrasse como eu era, foi um conselho que eu guardo até hoje. Um beijo muito grande para a família do Mário”, desabafou.

Boninho também lamentou a morte do diretor: “Meus sentimentos a família de Mário Márcio Bandarra. Um parceiro de Globo por quase 43 anos. Fez Armação Ilimitada, novelas, Malhação e colaborou no início do Encontro com Fátima. Vai deixar saudades!”, escreveu nas redes sociais.

Pages: 1 2 3 4 5 6 7 ... 15 16

  • Arquivos