jan
26
Postado em 26-01-2021
Arquivado em (Artigos) por vitor em 26-01-2021 00:07

 

do correio braziliense

PGR pediu ao STF que investigue a conduta do ministro da Saúde na capital amazonense, que viu a rede de saúde entrar em colapso neste início de ano

Augusto Fernandes
 

 (crédito: EVARISTO SA)

(crédito: EVARISTO SA)

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, disse que o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, “tem feito um trabalho meticuloso e de forma honesta e competente” à frente da pasta, mas afirmou ser a favor do pedido de investigação contra ele feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) por conta do colapso na rede de saúde de Manaus.

Ao comentar sobre o caso nesta segunda-feira (25/1), Mourão saiu em defesa do ministro e disse que só uma investigação pode esclarecer se ele tem ou não culpa pelo que aconteceu em Manaus.

“Uma vez que existe muito disse-me-disse a respeito disso, acho que a melhor linha de ação é que se chegue à conclusão do que aconteceu. Eu, pelo o que tenho acompanhado do trabalho do ministro Pazuello, sei que ele tem feito um trabalho meticuloso e de forma honesta e competente. Então, que se investigue e que se chegue à conclusão do que aconteceu na realidade”, disse o vice-presidente a jornalistas, no Palácio do Planalto.

O pedido de investigação fez Pazuello viajar a Manaus ainda na semana passada. Segundo a Saúde, ele deve ficar “o tempo que for necessário” na capital do Amazonas. Por conta de uma variante do novo coronavírus, a cidade viu os casos de covid-19 e as mortes pela doença dispararem nas últimas semanas. O surto sobrecarregou a rede de atendimento, e hospitais e outras unidades de saúde ficaram sem oxigênio para atender os pacientes.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos