“Esta tarde vi llover”, Roberto Carlos: a voz e a interpretação mais que perfeitas para esta canção (bolero), uma obra prima em letra e melodia, de tantas deixadas por Armando Manzanero. Saudades!

BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Soares)

 

.

Foto: Charles Platiau/Reuters
Credit…Foto: Charles Platiau/Reuters

Por Jornal do Brasil

O estilista ítalo-francês Pierre Cardin morreu aos 98 anos de idade, anunciou nesta terça-feira (29) a família para a agência “AFP”. A causa do falecimento não foi informada, apenas que ele estava internado no hospital Neuilly, em Paris.

“É um dia de grande tristeza para toda a nossa família, Pierre Cardin já não está entre nós. O grande costureiro que foi, atravessou o século, deixando para a França e para o mundo um patrimônio artístico único na moda, mas não só isso. Nos orgulhamos da sua ambição tenaz e da ousadia que demonstrou ao longo da vida”, diz a nota da família, destacando o “homem moderno de muitos talentos e energia inesgotável”.

Pioneiro da moda mundial em muitos sentidos, Cardin nasceu na Itália em 1922, mas foi morar na França ainda criança. O estilista começou a desenhar já aos 14 anos e, antes de criar uma grife com seu nome, na década de 1950, trabalhou para outras maisons de luxo da França, como a Christian Dior.

Cardin também é considerado o primeiro estilista de alto luxo a desenhar uma coleção “prêt-a-porter”, uma linha de roupas “pronta para vestir” para um público não atendido pelas grifes à época. Foi criticado por “popularização”, mas seu gesto foi seguido nos anos seguintes por praticamente todas as grandes maisons.

Além disso, foi o primeiro a considerar os mercados asiáticos da China e do Japão, bem como a Rússia, como de alto interesse para a moda de luxo. Em janeiro deste ano, sua vida e trajetória na moda foi alvo de um documentário “House of Cardin”, que mostrava o estilista plenamente ativo mesmo quase centenário.

dez
30
Posted on 30-12-2020
Filed Under (Artigos) by vitor on 30-12-2020


J. Bosco, no jornal O Liberal (PA)

dez
30
Posted on 30-12-2020
Filed Under (Artigos) by vitor on 30-12-2020

DO CORREIO BRAZILIENSE

Segundo a assessoria de imprensa do vice-presidente, ele continua fazendo uso de hidroxicloroquina, azitromicina e nitazoxanida

CB
Correio Braziliense
 

 (crédito: ROMERIO CUNHA/AFP)

(crédito: ROMERIO CUNHA/AFP)

Diagnosticado com covid-19, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, está se recuperando bem da infecção, segundo informou sua assessoria de imprensa nesta terça-feira (29/12).

Segundo a assessoria, antes de ter sido diagnosticado com covid-19, Mourão apresentou mialgia (dor no corpo), cefaleia (dor de cabeça) e febre, que não passou de 38ºC, o que o levou a fazer o exame no domingo (29/12).

Ele engrossa a lista de autoridades que foram infectadas pelo vírus. Desde março, o presidente Jair Bolsonaro e outros 13 ministros já contraíram a doença e se recuperaram da doença. Mourão segue em isolamento na residência oficial do Palácio do Jaburu.

  • Arquivos

  • dezembro 2020
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031