set
25
Postado em 25-09-2020
Arquivado em (Artigos) por vitor em 25-09-2020 00:36

Do Jornal do Brasil

Macaque in the trees
Crivella foi acusado de abuso de poder político e conduta vedada por conta de um evento realizado na Comlurb, em 2018 (Foto: Folhapress / Ricardo Borges)

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) votou hoje (24), por unanimidade, a favor da inelegibilidade do atual prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos), por abuso de poder político.

A decisão foi tomada na tarde desta quinta-feira (24), após a retomada do julgamento que havia sido interrompido na última terça-feira (21), quando o placar na corte era de seis votos a zero pela inelegibilidade. O desembargador recém-chegado Vitor Marcelo Rodrigues, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro no final do mês passado, havia pedido vistas do processo.

Crivella foi acusado de abuso de poder político e conduta vedada por conta de um evento realizado na Comlurb, em 2018, com funcionários da companhia de limpeza urbana do município, no qual o seu filho, Marcelo Hodge Crivella, foi apresentado como pré-candidato a deputado. A ação apresentada pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) e pelo PSOL levou em consideração os fatos de veículos oficiais terem sido utilizados, de terem sido pedidos votos para o filho do prefeito e do próprio Crivella ter agradecido ao presidente da Comlurb por ajudar seus candidatos.

A defesa de Crivella deve recorrer da decisão e afirma que o prefeito participará normalmente do pleito municipal de novembro, no qual busca a reeleição. Até que o caso seja analisado pelo Tribunal Superior Eleitoral ou pelo Supremo Tribunal Federal, segundo o TRE, o prefeito está inelegível.(com agência Sputnik Brasil)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • setembro 2020
    S T Q Q S S D
    « ago   out »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930