DO CORREIO BRAZILIENSE
 
O pastor evangélico, Milton Ribeiro, é o novo Ministro da Educação.O presidente  Jair Bolsonaro já bateu o martelo. Ele foi indicado pelo ministro da Justiça, André Mendonça.

Ribeiro é membro da Comissão de Ética Pública da Presidência, é ligado à Universidade Mackenzie e apresenta no currículo doutorado em Educação. Ele tem ótimo trânsito com o ministro Alexandre Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e com o presidente do PSD, Gilberto Kassab.

Pastor na Igreja Presbiteriana de Santos, Ribeiro havia conversado com Bolsonaro sobre a possibilidade de assumir a Educação na última terça-feira (04/07). Será a quarta pessoa a ocupar a pasta da Educação.

Bolsonaro usou as redes sociais para anunciar a escolha de Ribeiro. “Indiquei o Professor Milton Ribeiro para ser o titular do Ministério da Educação. Doutor em Educac?a?o pela USP, mestre em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e graduado em Direito e Teologia. Desde maio de 2019, e? membro da Comissa?o de E?tica da Preside?ncia da Repu?blica”, escreveu.

 

Ribeiro é terrivelmente evangélico

 

Ribeiro não era o nome preferido dos militares, mas também não é visto como grande problema pela caserna. O pastor agrada muito a ala mais conservadora do governo. Ele é considerado “terrivelmente evangélico”.

 

O Ministério da Educação está sem titular há quase um mês, desde que Abraham Weintraub foi demitido numa estratégia de Bolsonaro de tentar apaziguar os ânimos com o Supremo Tribunal Federal.

 

O presidente chegou a nomear Carlos Alberto Decotelli para a Educação, mas ele sequer chegou a tomar posse. Foi derrubado depois de uma enxurrada de denúncias de fraudes em seu currículo.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos