mar
11

Moro nega interferência na investigação de Ronaldinho

 

Por Redação O Antagonista

O Ministério da Justiça informou que Sergio Moro manteve contato com autoridades do Paraguai “com intuito de conhecer os fatos envolvendo a prisão do ex-jogador Ronaldinho Gaúcho e seu irmão, Assis, já que são cidadãos brasileiros”.

“Em nenhum momento, houve interferência na apuração promovida pelo Estado paraguaio. O Ministério da Justiça e da Segurança Pública preza pela soberania dos Estados e pela independência dos órgãos judiciários”, diz a nota.

A promotoria paraguaia apura se o uso de passaporte falso por Ronaldinho e Roberto de Assis tem relação com lavagem de dinheiro.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos