fev
16

Do Jornal do Brasil

IESA RODRIGUES

As restrições nos aeroportos europeus e os riscos de contaminações em plateias lotadas estão modificando os lançamentos de moda do hemisfério norte. Até agora a Federação da Alta Costura e da Moda, o órgão oficial da moda francesa já anunciou a saída de Masha Ma, Shiatzy Chen, Uma Wang, Jarel Zhang, Calvin Luo and Maison Mai, marcas chinesas da semana dos desfiles de inverno, que será de 24 de fevereiro a 03 de março.

Macaque in the trees
A designer chinesa Masha Ma nos ajustes de camarim, no ano passado (Foto: Divulgação)

A Camera Nazionale della Moda, que organiza a semana de Milão, de 18 a 24 de fevereiro, anunciou que acolheria os designers chineses. Só que sem desfiles ao vivo: o plano é usar as mídias sociais para exibir os desfiles em lives, comentar as coleções, vídeos e até entrevistas que darão acesso aos compradores para negociar com os criadores.

Em Paris, a maioria dos desfiles terá sensores térmicos na entrada dos convidados, para impedir os febris de entrarem principalmente nas grandes salas, como as tendas e o Grand Palais.

Já as semanas de Pequim (a partir de 25 de março) e Shangai (26 de março) foram adiadas.

Aguarda-se a visão de plateias de máscaras e óculos escuros.

Macaque in the trees
Exemplos da coleção de verão de Uma Wang, que saiu da agenda de desfiles de Paris (Foto: Divulgação)
Macaque in the trees
Sapatos inspirados nas sapatilhas de balé são sucessos de acessórios de Uma Wang (Foto: Divulgação)

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2020
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    242526272829