Resultado de imagem para Janaina Paschoal entrevista exclusiva a O Globo
Janaína em O Globo: temor da atração do presidente pelo conflito…
Resultado de imagem para Time de Lula e Chico Buarque x MST pelada de fim de ano
…Lula e Chico na pelada com smigos do MST: ironias e conflitos à vista.
ARTIGO DA SEMANA

 

Então é fim de 2019: entrevista de Janaína, “pelada” do MST, tombo do Presidente

Vitor Hugo Soares

Então, quando menos se espera passou o Natal, (com o “bom velhinho” dos presentes tomando, cada  vez mais, o lugar do dono original da festa da cristandade e sua simbologia da partilha e fraternidade, entoada na canção de Paul  McCartney, que Simone consagrou por estas bandas do Atlântico Sul). E chega o fim de 2019 do jeito que o diabo gosta, sinaalizador por três fatos marcantes, destes últimos dias, antes de 2020 chegar. A começar pela desassombrada e relevante entrevista (política, jornalística e intelectualmente falando), ao jornal O Globo, de Janaína Paschoal (PSL-SP), a deputada mais votada da história do País. Principalmente na parte em que ela assinala a aparentemente congênita atração pelo confronto, do atual ocupant e do Palácio do Planalto, e revela o seu temor de que ele “perca a mão” à medida que os conflitos tornam-se mais frequentes e cobrem faca nos dentes.

A deputada estadual jurista paulista – caso raro de parlamentar cuja voz e atuação têm ressonância nacional – fala de passado, presente, mas sempre em perspectiva de futuro, olhando além do próprio umbigo e interesses próprios ou de guetos ideológicos, caso raro entre nossos políticos e governantes. A entrevistada conta que, já na campanha, havia identificado essa tentação briguenta  do então candidato Jair Bolsonaro. Eleito e já findando o seu primeiro ano de mandato, ela afirma que o mandatário da vez  “é um líder do  conflito”, e revela: “o meu temor é que ele venha eventualmente a perder a mão desse grau de conflito. E se os conflitos se acirrarem num ponto que el e n&atil de;o consiga ma is governar?”. Sugestivo e tempestivo tema de reflexão para os dias que se aproximam.
 
Na ponta oposta da corda, mesmo disfarçada de inocente e lúdica  “pelada” de futebol de velhos companheiros, não é difícil, mesmo de longe, sentir o cheiro de enxofre no ar, no segundo motivo de tensão e alerta referido na abertura deste artigo; O jogo de domingo passado, entre os times Amigos de Lula e de Chico Buarque x Amigos do MST, disputado no campo Dr. Sócrates Brasileiro, inaugurado nas dependências da Escola Nacional Florestan Fernandes, em 2017. Nas arquibancadas, cartazes de militantes e devotos do líder petista: “Toca pro Lula que ele está livre” e “Hoje tem gol do Lula, se o juiz (o jornalista Juca Kfoury) deixar”, brincavam sobre sua libertação e cutucavam o ex – juiz Sérgio Moro. O pró ;prio ho menageado ironizou a situação, antes da bola rolar.: “Eu preciso ficar livre, inclusive do goleiro, para marcar gol”, conta o repórter Breiller Pires, no completo, crítico e bem humorado relato da “peleja”, publicado no El País. Vale leitura completa, inclusive, sobre notórias e surpreendentes participações (moças da turma do PSOL, por exemplo) e as sentidas e lamentadas ausências no evento esportivo  pan-ideológico..

E chegamos ao susto pregado pelo presidente Bolsonaro, na noite de segunda-feira, ao cair no banheiro do Palácio da Alvorada. O tombo  e os efeitos de seu impacto levaram à condução urgente do mandatário ao Hospital das Forças Armadas, do DF, para exames específicos e o necessário período de observação médica, que durou 12 horas neste caso de tensão. Na manhã do dia seguinte recebeu alta hospitalar, com diagnóstico de que o acidente familiar não deixou seqüelas e que “está tudo bem”,  porém com a recomendação de completo repouso pelos próximos dias. Cumpra-se.  E Feliz Ano Novo para todos!

Vitor Hugo Soares é jornalista, editor do site blog Bahia em Pauta. E-mail: vitors.h@uol.com.br    

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2019
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031