out
27
Postado em 27-10-2019
Arquivado em (Artigos) por vitor em 27-10-2019 00:21

Do Jornal do Brasil

REDAÇÃO JB

A informação circulou ontem à noite no portal Uol. A Procuradoria-Geral da República denunciou Domingos Brazão ao STJ. Ele “arquitetou o homicídio da vereadora Marielle Franco e visando manter-se impune, esquematizou a difusão de notícia falsa sobre os responsáveis pelo homicídio”, escreveu Raquel Dodge em seu último ato como procuradora geral da República.

Macaque in the trees
Domingos Brazão (Foto: Carlos Sucupira/Alerj)

“Fazia parte da estratégia que alguém prestasse falso testemunho sobre a autoria do crime e a notícia falsa chegasse à Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro, desviando o curso da investigação em andamento e afastando a linha investigativa que pudesse identificá-lo como mentor intelectual dos crimes de homicídio”, diz a denúncia.

Brazão é ex-deputado e conselheiro afastado do TCE-RJ (Tribunal de Contas do Rio).

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos