ago
17
Postado em 17-08-2019
Arquivado em (Artigos) por vitor em 17-08-2019 00:16

Por pressão de Jair Bolsonaro, a direção da PF teve que antecipar em quatro meses a troca de comando da superintendência da instituição no Rio, diz O Globo.

Segundo o jornal carioca, pelo cronograma que vinha sendo acertado entre a diretoria-geral e o delegado Ricardo Saadi, ele deixaria o comando da PF no Rio só em dezembro ou janeiro.

A contragosto, a direção-geral da PF concordou em antecipar a saída do superintendente no Rio, mas se opôs duramente à tentativa do presidente de emplacar Alexandre Saraiva na vaga. Bolsonaro acabou recuando.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos