Advogados dizem que Vermelho deixou cópias de conversas dentro e fora do país

Na primeira manifestação da defesa de Walter Delgatti Neto, o Vermelho, os advogados do hacker disseram que ele deixou cópias de conversas hackeadas com pessoas dentro e fora do Brasil, informa a GloboNews.

No texto, os advogados Luis Gustavo Delgado Barros e Fabrício Martins Chaves Lucas falam que existem “fiéis depositários nacionais e internacionais” desse material.

Os defensores dizem que Vermelho afirma que o poder público deveria testar a segurança de aplicativos como o Telegram, utilizado por ele para invadir celulares de autoridades.

No comunicado, a defesa de Delgatti também afirma que o seu cliente não reconhece o apelido “Vermelho”. E que, no momento, ele não tem filiação partidária e é “desinteressado em política institucional”.

Em depoimento na última quarta-feira, dia 24, o DJ Gustavo Henrique Elias Santos afirmou que Delgatti era “simpatizante” do PT. Vermelho foi filiado ao DEM, que anunciou sua expulsão do partido na semana passada.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos