DO JORNAL DO BRASIL

 

Cesar Mata Pires Filho era investigado pelo suposto pagamento de propina

  SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O empreiteiro Cesar Mata Pires Filho morreu nesta quinta (25), vítima de um infarto. A informação foi confirmada por um de seus familiares.

O empresário, que tinha 41 anos, passou mal no começo do mês, em uma audiência na 13ª Vara Federal de Curitiba. Ele era investigado pelo suposto pagamento de propinas ao PT na construção de um prédio da Petrobras em Salvador.

Macaque in the trees
O empreiteiro Cesar Mata Pires Filho (Foto: Reprodução)

Mata Pires estava respondendo a perguntas do juiz Luiz Antonio Bonat quando começou a se sentir mal e bateu com a cabeça em uma mesa.

Socorrido, ele foi hospitalizado e passou por um procedimento cirúrgico. Foi transferido para São Paulo, onde permaneceu internado e acabou morrendo.

O empreiteiro chegou a ser preso no ano passado e foi solto depois de pagar uma fiança de R$ 28,9 milhões.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos