abr
16

DO BLOG O ANTAGONISTA

Nota pública sobre a censura à Crusoé

Fomos surpreendidos na manhã desta segunda-feira, 15 de abril de 2019, pela decisão do ministro Alexandre de Moraes, do STF, de censurar a reportagem “O amigo do amigo de meu pai”, publicada na sexta-feira passada pela revista Crusoé.

A reportagem revela, com base em documento da Lava Jato reproduzido pela revista, que Marcelo Odebrecht, ao utilizar o codinome em mensagem a executivos da sua empreiteira, disse à Força Tarefa da operação que se referia a Antonio Dias Toffoli, na época Advogado Geral da União e hoje presidente do Supremo Tribunal Federal.

Além de censurar a revista, o ministro Alexandre de Moraes determinou que a Polícia Federal tomasse depoimentos dos jornalistas.

Nossos advogados entrarão com recurso ao colegiado do STF, para tentar reverter esse atentado contra a liberdade de imprensa, aspecto fundamental da democracia garantido pela Constituição. Na nossa visão, trata-se de ato de intimidação judicial. A liberdade de imprensa só se enfraquece quando não a usamos. Continuaremos a lutar por ela.

Mario Sabino
Publisher da Crusoé


Be Sociable, Share!

Comentários

luiz alfredo motta fontana on 16 Abril, 2019 at 14:57 #

Nesse diapasão, nenhuma surpresa se o “amigo do amigo do pai de Marcelo”, proclamar-se divino, por certo já se considera inimputável.

Ah! O passado!
Apagar rastros é incendiar arquivos.

Interessante observar o mutismo da PGR

Afinal existe, ou não, a documentação referida.
Zelar pela integridade do autos virou opção?

Suprema ironia ou apenas crise de identidade?

Vai ficar assim? Sem lei e sem freio?


luiz alfredo motta fontana on 16 Abril, 2019 at 15:12 #

Fem tempo

Da trinuna do Srnado Federal surge a informação que a PGR enfim pede o arquivamento do inquérito.

Alvissaras!


vitor on 16 Abril, 2019 at 18:02 #

Luiz Fontana
Alvíssaras, poeta de Marília. Alvíssaras! Há muito tempo não vibro com uma decisão de fonte judicial quanto com esta de hoje, de Raquel Dodge. Há luz no fim do túnel!


luiz alfredo motta fontana on 16 Abril, 2019 at 18:57 #

Ao mesmo tempo, infelizmente, avestruz atende pelo nome de Alcolumbre, o senado sob este presidente ajoelha e se apequena.


luiz alfredo motta fontana on 16 Abril, 2019 at 19:01 #

Já o “capitao” finge estar off-line.
Postar sobre nem pensar.


vitor on 16 Abril, 2019 at 19:22 #

Luiz Fontana:
Poeta: acho que o silêncio do capitão que se faz de morto em Brasília, é estratégio, também para aliviar o próprio couro das pauladas que anda tomando. Pior, e mais triste (deletério mesmo) é o silêncio acovardado dos capitães das ABIs, sindicatos de jornalistas , Fenaj , et caterva. A OAB, depois de largo e cúmplice vacilo, acaba de se pronunciar em protesto contra os arreganhos de Moraes e Toffoli.Menos mal.


luiz alfredo motta fontana on 16 Abril, 2019 at 19:54 #

Pobre Montesquieu, criou um modelo que prescinde do povo, substituindo a unção de um dos poderes por capricho de plantonista. Pior, no nosso caso que vitalício.

Haja smj e datas venias.
A nau é insensata, o mar traiçoeiro, e de resto, estamos mal representados.

Livre pensar, (saudade de Millor)nestes dias é atividade de risco.

Na dúvida eles pedirão vistas, incrivel como se calam em laudas enfadonhas.

A insensatez vestiu toga.


Lucas Ribeiro on 18 Abril, 2019 at 17:12 #

Interessante : o Antagonista foi contra a entrevista de Lula . Sejamos coerentes quanto a liberdade de imprenssa.
https://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/390674/M%C3%B4nica-Bergamo-lembra-que-Antagonista-j%C3%A1-aplaudiu-censura-de-Fux-%C3%A0-Folha-que-tentou-entrevistar-Lula.htm


Lucas Ribeiro on 18 Abril, 2019 at 17:16 #

Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos