Sossego levou uma faixa que dizia: “Respeitamos a religião do prefeito Marcelo Crivella e queremos respeito com o carnaval. O Rio pede paz”

  

Após receber críticas da escola de samba Acadêmicos do Sossego no desfile do grupo A da série das escolas de samba do Rio, o prefeito Marcelo Crivella usou as  redes sociais para responder sobre o caso. Ele manifestou seu respeito aos protagonistas e apaixonados pela festa de momo, mas explicou seu ponto de vista. 

Macaque in the trees
Sossego leva para a Sapucaí criticas ao prefeito Crivella (Foto: reprodução redes sociais )

“Respeito, sim, todos os carnavalescos. Mas precisamos respeitar igualmente as crianças nas escolas e os doentes nos hospitais, os orfanatos e asilos e as milhares de pessoas que se alimentam nas nossas creches, escolas e restaurantes populares todos os dias. Respeito sim, mas respeito também o restante da população do Rio que quer o dinheiro do município aplicado em serviços públicos”, escreveu o prefeito em sua conta oficial no facebook. Veja abaixo o post na íntegra: 

Críticas ao prefeito na Sapucaí

A faixa da agremiação levada na Marquês de Sapucaí pelos dizia: “Respeitamos a religião do prefeito Marcelo Crivella e queremos respeito com o carnaval. O Rio pede paz”. 

A polêmica se deve ao fato de que a levaria para a avenida uma escultura de “diabo” que teria sido inspirada em Crivella, mas a pedido da prefeitura do Rio  a escola não desfilou e a retirou de sua apresentação. Como protesto, no lugar da alegoria foi colocado um boneco parecido com o ex-prefeito Eduardo Paes, conhecido por gostar e também participar do Carnaval carioca. 

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos