Resultado de imagem para Diplomação de Bolsonaro no TSE beijo em Rosa Weber
Bolsonaro, com Rosa Weber, na Diplomação no TSE…
Resultado de imagem para Pedro Simon em Salvador Tribuna da Bahia
…Pedro Simon em Salvador: entrevista vib rante na Tribuna da Bahia

 

ARTIGO DA SEMANA

As faces de Bolsonaro na diplomação e Pedro Simon na Bahia

Vitor Hugo Soares

A cerimônia de diplomação do presidente eleito para comandar a República, nos próximos quatro anos (pelo menos), mostrou as múltiplas faces do Jair Messias Bolsonaro que o País terá pela frente, a partir do primeiro dia de janeiro de 2019.

A começar pelo tipo emotivo, a ponto de derramar lágrimas em vários momentos, e de pedir permissão (com jeito de colegial no primeiro dia de aula, diante da professora) para beijar a face da presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Rosa Weber, em renovada autocrítica  e mais um pedido de desculpas, pelas suspeitas que levantou contra a segurança e inviolabilidade das urnas eletrônicas. 

Conciliador, ao dizer que governará para todos, “sem distinção de origem social, sexo e cor”.  Impulsivo e temerário (principalmente quanto aos partidos e seus parlamentares no Congresso), ao anunciar que pensa governar mantendo relação direta da administração publica com as pessoas e a sociedade, graças aos avanços da tecnologia e do alcance das redes sociais em geral. Em particular, ao conhecimento da velocidade do Twitter e do poder incalculável de comunicação do WhatsApp, cujo domínio aprendeu com o filho Carlos, durante a campanha eleitoral.
Afirmativo e direto ao proclamar: “Não mais a corrupção, a violência, as mentiras”…

Em resumo, são algumas das mais significativas e intrigantes, entre tantas e contraditórias “personas” reveladas  na diplomação. Eis o cara, o político, o capitão da reserva do Exército, o homem que governará o Brasil. Convenhamos: aproxima-se – mesmo para os mais céticos – uma mudança e tanto.  A partir do Ano Novo que bate às portas.

Aos 88 anos, vibrante como sempre, depois de 32 anos de atividade parlamentar e uma vida inteira  de luta em defesa da democracia e da moralidade pública, no seu Rio Grande no Sul e do Brasil, o ex-senador Pedro Simon faz visita honrada e honrosa a Salvador. Enquanto Bolsonaro desempenha com surpreendente desenvoltura seu multifacetado papel, no palco do TSE – onde a  discreta, em geral, ministra Rosa Weber decide chamar também para si, e para o poder que ela representa, uma parte do protagonismo.

E o faz em longo discurso em defesa das liberdades individuais, a propósito de celebrar (na diplomação do presidente eleito com quase 60 milhões de votos), os 70 anos da Declaração dos Direito do Homem, das Nações Unidas. Com o auditório ocupado em grande parte por uma fauna renovada de parlamentares, militares de diferentes forças, amigos, parentes e convidados para o ato de diplomação do futuro presidente, e de seu vice, general Hamilton Mourão. Compreensível o mal estar (mal contido) provocado pela fala da ministra.

O experiente bom gaúcho, Pedro Simon, viu tudo na capital baiana, e não se abalou nem se mostrou impressionado, nos encontros dos quais participou, nos discursos que fez e nas entrevistas que deu. A mais importante, de página inteira, na Tribuna da Bahia, ao editor de Política, Osvaldo Lyra. Entusiasta da Lava Jato, Simon se mostra empolgado com a formação do ministério do futuro governo. “O fim do famoso toma-lá-dá-cá” que imperava… “Vamos seguir no combate à corrupção, vamos dar força ao Moro”, pede na entrevista. Diz mais, muito mais, sobre o futuro de seu MDB, sobre Bolsonaro, sobre os militares, sobre os destinos e querelas do Brasil. Notável Pedro Simon, mas fica para outro artigo.

Vitor Hugo Soares é jornalista, editor do site blog Bahia em Pauta. E-mail: vitor_soares1@terra.com.br    

Be Sociable, Share!

Comentários

Vanderlei on 15 dezembro, 2018 at 22:11 #

O Bolsonaro é do signo de Áries e tem demostrado um perfeito ariano. Por ser o primeiro signo do zodíaco, a energia de liderança e pioneirismo rodeia pessoas que nasceram com o sol nesse signo. São conhecidos por serem pessoas briguentas e que não levam desaforo para casa.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • dezembro 2018
    S T Q Q S S D
    « nov   jan »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31