A dois dias do segundo turno, o candidato à Presidência Fernando Haddad (PT) voltou a fazer um aceno a Ciro Gomes (PDT) nesta sexta-feira (26) e disse acreditar que conquistará pontos nas intenções de voto com o apoio do pedetista, que ficou em terceiro lugar no primeiro turno.

“A gente vai ganhar uns 3, 4 pontos com o apoio do Ciro”, disse Haddad a jornalistas antes de participar de uma caminhada em Salvador.

Até agora, Ciro não anunciou apoio a Haddad. Logo depois do primeiro turno, o candidato viajou para a Europa, e deve chegar na noite desta sexta a Fortaleza. O PDT declarou “apoio crítico” à candidatura petista.

Na pesquisa Datafolha de quinta (26), Jair Bolsonaro (PSL) ficou com 56% dos votos válidos, contra 44% para Haddad. A vantagem de Bolsonaro para Haddad caiu 6 pontos.

Este é o segundo dia de agenda de campanha de Haddad no Nordeste. Ontem, o petista esteve em Recife, e nesta manhã ele foi a João Pessoa.

“Aqui na Bahia, nós passamos de 60% e queremos passar de 70%”, disse.