Resultado de imagem para Rui Costa e Otto Alencar afastam Lídice da chapa majoritaria na Bahia

Rui Costa (PT) e ex-carlistas no comando…

Resultado de imagem para Lidice da Mata senadora do PSB Bahia

…alijaram Lídice da chapa majoritária na Bahia

 

Patrícia França ( do jornal A Tarde)

 

A plenária convocada na terça-feira, 19, pelo PSB para analisar o futuro político da senadora Lídice da Mata (PSB) – já que é dado como certo que ela não estará na chapa à reeleição do governador Rui Costa (PT), disputando o Senado ao lado do ex-governador Jaques Wagner (PT) – serviu para partidários e apoiadores da senadora criticarem a prática da “velha política carlista” pelo governo do petista. Rui deve anunciar até sexta, 22, a composição completa da chapa.

O secretário-geral do partido, Domingos Leonelli, disse lamentar que o governador, em vez de discutir previamente com os partidos da base, tenha “nomeado” o presidente da Assembleia Legislativa, Ângelo Coronel (PSD), para concorrer ao Senado. Numa referência ao senador Otto Alencar (PSD), mentor da indicação de Coronel e que no passado foi um dos principais aliados do ex-cacique da política baiana Antonio Carlos Magalhães (ex-PFL), o socialista disse que no governo “Otto passou de jogador para árbitro e passa a ser a principal força de influência do governo de Rui Costa”.

“Talvez o erro principal da nossa negociação na chapa majoritária foi não ter negociado com Otto diretamente”, ironizou. “ Talvez algumas de nossas propostas teriam sido aceitas mais facilmente do que apresentadas ao governador do PT. E o PT, segundo sua tradição, que é ganhar com o discurso de esquerda e com as parcelas da direita, até com políticas de direita como fez Dilma Rousseff nos seus dois últimos anos. Mas nós pensávamos que essa lição tinha sido aprendida com o fracasso [impeachment] desse tipo de política no governo federal ”, declarou Leonelli.

A plenária reuniu no auditório do Hotel Sol Victoria, no Corredor da Vitória, as principais lideranças do PSB – Fernando Schimidt, Sérgio Gaudenzi, os deputados Marcelo Nilo, Fabíola Mansur, Alex Lima e Marcos Viana, além de prefeitos e representantes de partidos.
Pense num absurdo…

A senadora Lídice da Mata, que chegou à plenária afirmando que ainda estava na briga pelo Senado, também elevou o tom das críticas. “O governador anunciou para a imprensa baiana qual é a sua decisão? Na hora que ele colocar para a imprensa oficialmente, o PSB se reunirá e tomará a sua decisão final nesse processo”, reagiu a senadora.

Lídice disse ser “um abusurdo” ela ser alijada da chapa à reeleição do governador Rui Costa (PT). “Num momento em que o TSE garante 30% dos recursos do fundo partidário para as mulheres, a Bahia tira a única mulher da chapa majoritária?”.

A senadora lembrou que 52% do eleitorado é formado por mulheres e que a montagem de uma chapa composta só por homens é persistir no modelo de “política tradicional” e “estruturada pela velha política”. “O Brasil se encontra no momento com desafios enormes, de renovação da política, e para isso é preciso que a sociedade se sinta representado na política”, argumentou.

Patrícia França é jornalista. Repórter especial da editoria de Política do jornal A Tarde.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos