Resultado de imagem para O Cambacica em Salvador

 

 CRÔNICA
O Camba voltou!
Gilson Nogueira

O  computador de teclado novo, após minhas netinhas dedilharem inocência no teclado antigo e o desafinarem, acolhe-me em tarde fria, na primeira capital do Brasil. Há pouco, o Cambacica, que andava sumido, ou melhor, voava sumido, pousa em um balcão à minha frente, parecendo-me perguntar cadê elas? Saúdo sua volta, com uma pergunta, em voz alta: Por onde batia suas pequeninas asas, filhinho de Deus?  O dengo das netinhas se despede e deixa um cocozinho branco no tampo de madeira. Em silêncio.

Sinto frio. Meus dedos buscam dar o tom exato para expressar-me, ao ver o passarinho partir deixando para trás o seu mistério. Por algum tempo, estive sumido. Fui visitar aquele lugar bonito para viver em paz que Roberto cantou. E volto de lá torcendo para que vocês tomem juízo!

Depois de tanto encantamento, busco traduzir, nas cordas da imaginação, a mensagem  que o Camba deixou para João Gilberto, que soprará, no domingo que vem, dia 10,  87 acordes de vida em seu refúgio carioca. Diz ele, o amiguinho de minhas netas: Quer saber, João, você não nasceu para viver brigando. Deus Que Você feliz! Como Quer Ver o Mundo Inteiro! Fique em Paz! A vida, às vezes, nos dá umas rasteiras; Mas, para quem tem fé, a volta por cima não é difícil. Boa sorte! Ah, Parabéns!

Gilson Nogueira é jornalista, colaborador da primeira hora do Bahia em Pauta.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos