“Paulo Afonso se ligarem mais um fio, você ilumina o Rio, São Paulo e toda nação”. É isto aí, saudoso Ary Lobo. E então: vão ligar o fio, ou vão cortar”?
Responda quem souber.

BOM DIA!!!

(Vitor Hugo Soares)

Be Sociable, Share!

Comentários

Daniel on 26 agosto, 2017 at 14:59 #

A visão romântica da cultura estatista brasileira entre a população – inclusive entre a mais esclarecida – deveria ser tema de sério estudo.


Taciano Lemos de Carvalho on 26 agosto, 2017 at 16:05 #

Estudo deveria ser feito também sobre a cultura da privataria, cultura que tomou corpo, volume, a partir, principalmente, do reinado do Príncipe das Trevas. Mas que já vem de longe, é verdade. Enriquecendo alguns poucos. Os mesmos que até hoje dominam a economia brasileira, num processo de rapinagem das riquezas de um povo. Sejam, os rapinadores, estrangeiros ou paridos no Brasil.


rosane santana on 26 agosto, 2017 at 17:28 #

O deslumbramento de certas elites, alienadas, eu diria, que ficam a fazer comparações entre o Brasil e países pós-materialistas, cujos modelos aqui não se encaixam, obviamente, é estarrecedor. Desconhecem ser este país uma colônia, nada mais do que uma colônia. E privatização em colônia só pode dar em privaria, como bem lembrou Ticiano.


rosane santana on 26 agosto, 2017 at 17:28 #

correção: privataria.


rosane santana on 26 agosto, 2017 at 17:29 #

correção: Taciano.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos