DO BLOG O ANTAGONISTA

Ana Paula do Vôlei: “Furando o bloqueio contra o politicamente correto”

Ana Paula Henkel, a “Ana Paula do Vôlei”, estreou como colunista do Estadão.

Foi uma ótima estreia.

Não importa se estamos do mesmo lado da quadra ou não (e estamos na esmagadora maioria das vezes), sempre podemos contar com a honestidade de Ana Paula.

Vejam um trecho:

“Minha intenção neste espaço é discutir aberta e democraticamente o que acontece na vida cotidiana, nos esportes, e na política americana e brasileira, com uma perspectiva de quem acredita que muitas das experiências testadas por aqui podem servir de reflexão para que possamos aprender com erros e acertos dos dois países na busca de um futuro melhor para nós e para as próximas gerações.

Sei que existe um interesse investido em parte da imprensa para caracterizar o governo Trump, que evidentemente tem falhas, e o atual momento dos EUA, como algo diferente do que é na verdade. Trump não é um presidente perfeito, mas existem mais viúvas de Obama entre o céu e a terra do que podemos contar. Como moradora, imigrante legal e cidadã americana, espero também poder fornecer aos brasileiros informações muitas vezes negadas ou distorcidas em nome de agendas políticas nestes tempos de pós-verdade. Visões binárias no estilo ou é Democrata ou é Republicano, ou é PT ou PSDB, não condizem com as reais necessidades para um amadurecimento político real. As boas idéias não entram no campo apaixonado da cega dicotomia dos gramados de futebol.

Aceitei o desafio de escrever esse blog porque acredito que é preciso cultivar o debate público intelectualmente honesto, transparente e livre. Cabe a cada um de nós contribuir ativamente para a discussão sempre em busca da verdade acima das agendas partidárias e interesses imediatistas, especialmente num país com problemas tão complexos como o Brasil.

O politicamente correto, nosso inimigo comum, não é só um expediente autoritário e rudimentar, ele serve de esconderijo para quem quer viver na Terra do Nunca e mascarar a própria imaturidade com uma capa falsa de tolerância.

Aos bons e inquietos que acreditam que qualquer mudança só virá da responsabilidade individual e de uma opinião crítica e honesta, sejam bem-vindos. Nosso bloco está oficialmente na rua.”

Be Sociable, Share!

Comentários

Mariana Soares on 8 agosto, 2017 at 9:23 #

Detestei a ideia! Não gosto das abordagens dela nem mesmo como simples opiniões em redes sociais. E nada tem a ver com esta ou não está do mesmo lado da quadra. Ana Paula, na minha opinião, “se achou” quando suas opiniões “políticas” começaram a lhe render “likes” nas redes sociais e dai em diante considerou-se uma “comentarista política”, o que, definitivamente, não é. Pelo contrário, é rasa e, muitas vezes, quase imbecilizada. Violenta e agressiva, características próprias de quem não tem profundidade em coisa nenhuma e só quer jogar pra galera.
Pode até não interessar para ela ou para ninguém, mas não contará com a minha leitura.


Daniel on 8 agosto, 2017 at 21:53 #

É sempre importante dar espaço a quem pensa diferente de você. Aliás, digo outra coisa: a hegemonia do discurso de esquerda nos meios culturais é tamanho, que muitas pessoas que potencialmente seriam simpáticas ao pensamento liberal – ou mesmo conservador – simplesmente não têm acesso a esse tipo de conhecimento.

Ou alguém dirá que nomes como Hayek, Mises, Scruton e Roberto Campos têm o espaço e o “favorecimento acadêmico” de figuras como Marx, Foucault, Gramsci e Paulo Freire?


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos