ADEUS, NANÁ. UM ABRAÇO, LUIS

Postado no Facebook, pelo jornalista e amigo comum, Jorginho Ramos, neste sábado, 6 de maio, depois do sepultamento no cemitério Bosque da Paz, em Salvador, de Donária Henrique, Naná: a sempre amada do jornalista Luis Augusto Gomes, editor do blog “Por Escrito”, que está fora do ar desde o agravamento do estado de saúde da esposa e admirável companheira de travessia de Luis. Naná morreu na sexta-feira. O BP, a começar por seu editor, também se entristece com a partida desta grande mulher e especial amiga.
——————————–

JORGINHO RAMOS:

“No Cemitério Bosque da Paz, onde vim dar um abraço amigo ao colega Luis Augusto Gomes e aos seus filhos Aura Henrique e Peri Jorge, que perderam a esposa e mãe, respectivamente, Donária Henrique. Assisto ao velório e ao sepultamento”.

VITOR HUGO SOARES

“Sim, Jorginho, compartilhamos na manhã deste sábado, no Bosque da Paz, momento doloroso e carregado de múltipla emoção.

De um lado, a tentativa de levar alguma palavra de conforto e abraço de solidariedade a Luis Augusto Gomes, Pery e Aura, par e prole de um dos casais mais completos, cúmplices amorosos e exemplares que já conheci.

De outra parte, sentir ao lado de Luis (amigo querido e parceiro íntegro, brilhante e admirável de uma vida de jornalismo e lutas comuns), a saudade imensa de Donária Henrique, a Naná querida e admirada por todos nós. A vibrante fluminense, nascida em Volta Redonda, mulher de garra, fibra e enorme carisma, misturados com o encanto e afabilidade de uma figura singular.

Inesquecível e marcante, por exemplo,a presença e a atuação de Naná (ao lado de Luis e dos dois filhos ainda meninotes) no movimento Brasil Brizola (MBB) em Salvador. E dos encontros alegres e festivos de rua, em especial no carnaval, quando ia com Margarida encontrar o casal de amigos de sempre no Campo Grande, na concentração e saída do bloco “Paroano”. Ou nos churrascos do MBB no Centro de Tradição Gaúcha da Bahia, na campanha presidencial de Brizola. Nos diferentes momentos, se consolidaram a minha amizade e admiração por Naná. Saudades. Para sempre.

(Vitor Hugo Soares)

Be Sociable, Share!

Comentários

luis augusto on 7 Maio, 2017 at 9:30 #

Queridos amigos Vítor e Jorginho, muita emoção me trazem as palavras de vocês. Agradeço a homenagem que fazem a Naná (Donária), que era paixão, amor e entrega em tudo que fazia. Meu conforto, como disse a vocês e a outros amigos que compareceram ao Bosque da Paz, é que ela parou de sofrer. Beijos, extensivos a Margarida e Aninha.


luiz alfredo motta fontana on 7 Maio, 2017 at 12:20 #

Que ao fim da dor brilhe o sorriso! Ainda que tímido!
Saudade é uma forma de amar!


Taciano Lemos de Carvalho on 7 Maio, 2017 at 12:35 #

Luíz Augusto.

Meus sentimentos.

Sim, você está certo. Saudade é uma forma de amar.

Forte abraço.


rosane santana on 7 Maio, 2017 at 13:47 #

Querido Luís, só soube no domingo, por isso não fui lhe dar meu abraço, que mando daqui, com desejo de que vc supere essa ausência física. A vida é assim, um vai e vem de coisas, fatos e pessoas, algumas inesquecíveis para cada um de nós. Beijo.


luis augusto on 10 Maio, 2017 at 8:23 #

Agradeço as manifestações do queridos colegas e amigos Ró-Ró e Taciano.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos