ACM Neto no Curuzu à espera da saída do Ylê

DE A TARDE

Recebido por vaias no Ilê, Neto defende liberdade de expressão

Luan Santos

O prefeito ACM Neto (DEM) foi vaiado ao chegar na sede do Ilê Aiyê na noite deste sábado por parte do público, que também entoou um “fora Temer”. Neto foi ao local para acompanhar a saída do bloco, que segue para a Avenida.

As vaias ocorreram no momento em que o prefeito defendia o direito de expressão, em entrevista à imprensa, ao comentar a manifestação da banda BaianaSystem, que, em apresentação na Avenida, cantou “fora Temer”. Em seguida, Neto sorriu, acenou para o público e entrou na sede do Ilê para aguardar a saída do bloco.

“Todas as pessoas têm o livre direito de se manifestar, seja um artista ou um cidadão. Nós não vamos retaliar, pelo menos eu não”, afirmou.

Na contramão do que disse o prefeito, o presidente do Conselho Municipal do Carnaval, Pedro Costa, chegou a ameaçar a expulsão da banda por conta da manifestação.

“Eu queria que você um dia fosse a Pernambuco pra ver, como é feito o passo ao som de uma orquestra pra valer”.

Quem viu e provou não esquece jamais.

BOM DOMINGO DE CARNAVAL!!!

(Vitor Hugo Soares)

DEU NO POR ESCRITO (BLOG DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Temer: um mandato definitivamente em risco

Produto de um entendimento em parte tácito, em parte, explícito, que envolveu o setor político, as classes econômicas e mesmo altas instituições nacionais, o governo Michel Temer se esvai na queda sucessiva de ministros citados ou investigados por corrupção.

O que antes poderia ser definido como “caso pontual”, embora alguns já tivessem ocorrido, tornou-se uma onda gigante do surfe radical. São engolidos os ministros mais próximos de corpo e alma do presidente, ele próprio um “citado”, vendo a crise chegar cada vez mais perto.

No texto “Temer, Lula e a ‘salvação nacional’”, de 04/05/16, fizemos referência às “forças congregadas em torno de Temer (…) que contribuirão, necessariamente, como estratégia, para um upgrade do país num momento particularmente incerto e ameaçador”.

Em 31/05/16, na nota “Demissão de ministro ‘faz parte’ do plano”, prevíamos para o presidente “consagração final, caso não sucumba sob acusação pessoal incontestável, como tantas que têm ocorrido no Brasil moderno, e isso venha a determinar uma cassação ‘política’ de sua chapa pelo TSE”.

Se não andou o processo contra a chapa Dilma-Temer, isso não se deve somente à clássica morosidade da Justiça no Brasil, mas a um posicionamento da corte eleitoral, como outros, semelhantes, que têm tomado o STF e seus ministros em prol da “governabilidade” do país.

O quadro adquire nova conotação com o verdadeiro desmonte a que se assiste no governo. A dúvida é se será possível manter um presidente cercado por uma quadrilha em nome dos indicadores da economia ou se o país seguirá sua marcha de livrar-se dos corruptos, ainda que seja o Congresso a eleger o sucessor.

Da volubilidade tucana

Vale sempre lembrar que a ação no TSE foi movida pelo PSDB, quando adversário. Aliados pró-impeachment, os tucanos torcem agora para sua tese ser derrotada na Justiça.

Conspiração sepultada

O desenrolar da Operação Lava-Jato vai jogando mais terra sobre a tese desesperada do PT, de que havia uma conspiração em marcha para acabar o partido.

O crescente envolvimento de nomes importantes do PMDB, e até do PSDB, levando o supostamente insuspeito José Serra a pular fora, mostra que ainda não há clareza sobre o destino final de tudo isso.

fev
26
Posted on 26-02-2017
Filed Under (Artigos) by vitor on 26-02-2017


Frank, no portal de humor gráfico A Charge Online

fev
26
Posted on 26-02-2017
Filed Under (Artigos) by vitor on 26-02-2017

DEU NO BLOG O ANTAGONISTA

Delegado da PF foi preso com R$ 35 mil

Os responsáveis pela Operação Corrumpere informaram que o delegado federal Sandro Viana, preso hoje, estava reunido com um comparsa para repartir R$ 35 mil que extorquiu de um empresário de Londrina.

O dinheiro seria dividido com o intermediário da negociação, Clodoaldo Pereira dos Santos. O delegado ficaria com R$ 20 mil e Santos, com o restante.

A extorsão foi denunciada pelo próprio empresário, que teve seu nome mantido em sigilo. Também não foi revelado o motivo da chantagem, segundo o G1.

  • Arquivos

  • Fevereiro 2017
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728