jan
17
Postado em 17-01-2017
Arquivado em (Artigos) por vitor em 17-01-2017 01:24


Os supervilões contra a Liga da Justiça

Numa tendência que é crescente, ministros do Supremo Tribunal Federal têm sido alvo de pedidos de impeachment. O ano de 2016 marcou o recorde de 11 solicitações contra seis integrantes do colegiado.

Com três pedidos, Luís Roberto Barroso é o líder dessa competição, que questiona como nunca antes a lisura ou a competência da última instância judiciária do país.

Empatados em segundo lugar estão Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes, aos quais até se podem atribuir decisões duvidosas e pouco recato para a magnitude do cargo.

No entanto, identifica-se na maioria das ações o interesse escuso ou a jogada política, ou ambos – o último recurso de uma elite putrefata contra as malhas da lei e as barras da cadeia.

Custo zero

Aliás, o grande exemplo é o processo que o ex-presidente Lula move no TRF da 4ª Região contra o juiz Sérgio Moro por abuso do autoridade.

A defesa não vai custar nada ao magistrado: ele constituiu advogada a própria mulher, Rosângela Maria Wolff de Quadros Moro.

A luta continua

Na mesma linha, informa-se que o senador Renan Calheiros assumiria em fevereiro a presidência da Comissão de Constituição e Justiça, cargo que lhe conferiria boa dose de poder contra as movimentações do Ministério Público, especialmente do procurador-geral, Rodrigo Janot.

Epigrama

No país da felicidade,
A justiça que se quis:
Bandido é autoridade
E réu processa juiz.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Janeiro 2017
    S T Q Q S S D
    « dez   fev »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031