DEU NO BLOG POR ESCRITO ( DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Cabe a Moro esnobar Renan

O convite ao juiz Sérgio Moro para discutir o projeto da lei de abuso de autoridade demonstra quão ilimitada é a vocação do senador Renan Calheiros para espertalhão, aquele tipo que, sem pudor, vai dando uma de joão-sem-braço e se metendo onde não pode.

Renan finge não entender que, para Moro, ele é uma companhia indesejável, pois seus caminhos podem cruzar-se futuramente nas barras do Judiciário – o senador, já ex-senador, como réu, naturalmente.

Moro, de fato, criticou a medida em tramitação, que pode restringir a capacidade de ação da Polícia Federal, do Ministério Público e da própria Justiça. Mas, provavelmente, deixará com a Associação de Juízes Federais a responsabilidade de representá-lo em eventual promoção de Renan.

Aplicando a lábia em praça pública

Com chavões, como “qualificação do debate”, “transparência” e “aperfeiçoamento institucional”, Renan sonha em ter na trupe o procurador Rodrigo Janot, a Polícia Federal, o Judiciário – e a Ajufe não poderia faltar.

É um momento em que o analista fica entre a frieza e a torcida. Essas altas autoridades e instituições não podem, supostamente, coonestar uma farsa, digamos, tamanho GG.

O convite de Renan não incluiu o RSVP. Não se pode, portanto, aferir a expectativa de comparecimento a tão elevada discussão. Quando revelado, será um dado elucidativo para o futuro imediato da República.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • novembro 2016
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930