DEU NO BLOG POR ESCRITO ( DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Ministra investe agora contra os homicídios

“É hora de nós assumirmos a nossa responsabilidade por fazer que esse quadro mude”, continua, em sua cruzada insana, a presidente do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia.

Inconformada com o fato de o país ter índices de homicídio “superiores ao de Estados que estão em guerra”, ela quer “uma resposta rápida do Poder Judiciário”.

A ministra tem sido voluntariosa, e nesse voluntarismo está assumindo compromissos, como agora e como no caso das visitas a presídios.

Na condição, de uma dos quatro privilegiados que dirigem Poderes no Brasil, terra de fazer propostos, operar mudanças, partir para o confronto com o que ela sabe que está por trás disso tudo.

De lança em riste, exarando sentenças

Fora isso, é só discurso. Quando Renan Calheiros chamou o colega dela de “juizeco”, Cármen Lúcia disse que “onde um juiz for destratado, eu também sou”.

Agora, na investida contra a violência e a criminalidade, declarou que “onde uma mulher é assassinada, todas são”. Ampliou o espectro. Não quis se colocar pessoalmente na questão.

Se ficar nessa conversa mole, pode alcançar a glória de um cartunista famoso a retratar como uma Quixote destes tempos incertos.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • novembro 2016
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930