out
31


Polícia inglesa mata seis milésimos de gente por dia

As estatísticas são sempre falsas quanto a avaliações que envolvam a vida humana, porque esta não tem valor tangível. Como ponderou o filósofo, dez mil pessoas não sofrem mais do que uma.

A reflexão decorre de números acreditados segundo os quais a polícia brasileira mata em seis dias o mesmo que as polícias inglesa e galesa mataram em 25 anos, de 1990 a 2014.

Dá para imaginar a disparidade: no Brasil, tem-se de falar em “cerca de” 83 mil pessoas que, como dizem policiais e radialistas, “tombaram em confronto”. Nos dois países britânicos foram precisamente 55 nesse quarto de século.

Por aqui, o extermínio é de nove por dia. Lá, numa população de 56 milhões, houve uma morte a cada período de cinco meses e meio. A média diária não passou de 0,006 – inexpressiva, para quem não morreu.

Por exemplo

A família do brasileiro Jean Charles de Menezes, morto “por engano” por policiais londrinos, não leva em conta esses levantamentos.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • outubro 2016
    S T Q Q S S D
    « set   nov »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31