out
02
Postado em 02-10-2016
Arquivado em (Artigos) por vitor em 02-10-2016 00:18

DEU NO BLOG POR ESCRITO (DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Dinastias eleitorais fascinam nobres e plebeus

Com certa desfaçatez que a tradição política baiana contempla a hereditariedade dos mandatos eletivos, não sendo poucas as famílias que assim procedem, numa negação elementar do pensamento republicano.

O exemplo clássico é o do prefeito ACM Neto, cujo patrimônio político foi inaugurado pelo avô ACM e protagonizado por certo tempo pelo tio Luís Eduardo Magalhães, sem esquecer a dupla senatoria do pai.

Mas temos outros clãs cujos chefes chegaram ao governo do Estado, como os Lomantos e os outros Magalhães, do ramo cearense, encabeçado pelo general Juracy, todos de várias gerações de parlamentares.

Assim, sem preocupar-se com a pecha de “privatização” nepotista da vida pública, são muitos os deputados que vão a público agora, em Salvador, pedir sem rubor votos para que seus rebentos se tornem vereadores.

Roberto Carlos quer eleger Randerson, José Carlos Aleluia faz uma forcinha por Alexandre, Alan Sanches tenta reemplacar Duda e o velho Benito Gama apresenta Thaissa ao eleitor.

Fogem à regra geral David Rios, que lançou o irmão Daniel, e Marcell Moraes, que, com cachorrinho e tudo, faz propaganda para a irmã Marcelle.

Um caso realmente intrigante é o do Sargento Isidório: chama o prefeito Neto de “monarca” e até de “faraó”, mas quer, com o filho Fabrício de Isidório, ainda que adotivo, iniciar a própria linhagem de nobreza eleitoral.

Criatura ganhou asas

Quatro anos atrás, o então deputado Maurício Trindade fez campanha explícita para o irmão José chegar à Câmara Municipal.

Nas avenidas da cidade, a foto dele dominava o cartaz, com o sobrenome em destaque e o número do mano.

De lá pra cá, desentenderam-se. Hoje, enquanto José faz oposição ferrenha ao prefeito, Maurício é candidato pelo DEM, buscando recuperar a cadeira que foi sua no início da carreira.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • outubro 2016
    S T Q Q S S D
    « set   nov »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31