ago
14
Postado em 14-08-2016
Arquivado em (Artigos) por vitor em 14-08-2016 00:45

DEU NO BLOG POR ESCRITO (DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

OPINIÃO

Assessorias driblam lei da impessoalidade

Num desses avanços que o Brasil dá de vez em quando, um dia, não muito distante na história, foram proibidos os gestores públicos, com ou sem mandato eletivo, de usar recursos públicos para propaganda pessoal, como comumente se via nos anúncios.

No entanto, a rigor, essa legislação é desconsiderada sistemicamente com a existência das assessorias de imprensa, uma realidade dos nossos dias contra as quais o máximo que se pode fazer é escrever.

Diariamente, essas repartições, cada vez mais engordadas de pessoal e equipamento, despejam sobre todo meio de comunicação existente ou imaginário toneladas de dados certamente muito positivos sobre a administração.

Nas matérias, são fartamente citados e repetidos os nomes de quem seja interessante divulgar, de uma simples vaidade individual aos mais amplos sonhos e projetos de obtenção ou preservação do poder.

As “notícias” vão das elementares e razoáveis até as mais extravagantes, como atestam os releases que chegam incessantemente às redações, das mais variadas origens, dando a sensação de que o importante não é fazer, mas não parar de falar.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos