ago
12
Postado em 12-08-2016
Arquivado em (Artigos) por vitor em 12-08-2016 00:32

DEU NA COLUNA DE LAURO JARDIM, DE O GLOBO. POSTADO NA ÁREA DE COMENTÁRIOS DO SITE BLOG BAHIA EM PAUTA PELO POETA, ADVOGADO E BLOGUEIRO LUIZ FONTANA.

POR GUILHERME AMADO11/08/2016 06:05

(Lauro Jardim)

Eliana Calmon tem acompanhado cada notícia em torno das delações premiadas de executivos da Odebrecht com a Procuradoria-Geral da República. Está interessada especialmente em saber o que aparecerá sobre integrantes do Judiciário.

Embora pessoas envolvidas na negociação da delação afirmem que até agora a Odebrecht não entregou nenhum juiz, desembargador ou ministro de tribunal superior, Eliana avalia ser “impossível” fechar uma delação da maior empreiteira do país que não mencione integrantes do Judiciário.

Diz Eliana:

— Delação da Odebrecht sem pegar Judiciário não é delação. É impossível levar a sério essa delação caso não mencione um magistrado sequer.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos