DEU NO BLOG POR ESCRITO (DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Valor agregado deixa chapa de Neto em evidência

Tendo sido esta a intenção, é forçoso reconhecer a sagacidade do prefeito ACM Neto ao estimular a proliferação de candidaturas a vice em sua chapa: o mistério deixa em evidência as articulações, que do contrário seriam privilégio apenas dos partidos de oposição.

Para isso contribui o fato de que o cargo virá com o que em economia se chama de valor agregado, pois seu ocupante, no caso muito provável de reeleição de Neto, viria a ser prefeito por quase três anos, com a quase certa saída do titular para disputar o governo.

Entre os pretendentes, Guilherme Bellintani já anunciou a desistência, mas não tem problema, pois sobram, sob o permanente foco da imprensa e do meio político, Luiz Carreira, Bruno Reis, Paulo Câmara, Sílvio Pinheiro João Roma Neto e até a vice-prefeita atual, Célia Sacramento.

Explicações não faltam

Os “vices” de Neto são de variados partidos – PV, PSDB, PMDB, PPS, PRB… Mas todos, à exceção de Câmara, que é ligado ao deputado Antonio Imbassahy, têm algo em comum: são liderados do prefeito, que os distribuiu por diversas legendas, gerando, igualmente, especulações.

Comenta-se que desejaria torná-los candidatos a vereador para dar substância ideológica à sua bancada na Câmara, assim como ter um vice-prefeito “de outro partido” sem lhe duvidar da confiança. Há ainda a hipótese de atrair uma legenda que amplie o tempo de TV, carência que não chegou a prejudicá-lo em 2012.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos