DEU NO BLOG POR ESCRITO ( DO JORNALISTA LUIS AUGUSTO GOMES)

Senadores podem ajudar vinda do BRT

O boicote da presidente Dilma, certamente muito bem aconselhada, à implantação do BRT de Salvador depois der ter assumido compromisso público, é apenas um pequeno exemplo nacional de como o governo anterior fazia política.

A expectativa da liberação dos recursos levou o prefeito ACM Neto até a indispor-se na cúpula nacional do seu partido por ter orientado os deputados baianos do DEM a aprovar medidas do interesse de Dilma na Câmara.

A situação permite a especulação sobre qual será o comportamento dos senadores baianos na votação do impeachment agora que o governo Temer autorizou o repasse, pois, na hipótese muito improvável de Dilma voltar ao cargo, supõe-se que ela barrará a operação.

Prefeito e ministro reforçam aliança

O prefeito agora faz as contas: o que não conseguiu nos últimos três anos com Dilma resolveu em 30 dias com Temer, tendo destacado devidamente a participação do ministro Geddel Vieira Lima na negociação.

O projeto prevê a ligação, por corredores expressos de ônibus, da Estação da Lapa ao Iguatemi. A liberação da primeira parcela pela Caixa Econômica, de R$ 108 milhões, ainda sem data marcada, será empregada na construção do trecho Hospital Aliança-LIP.

Geddel sintetizou o quadro, após, por sua vez, elogiar o desempenho do prefeito no projeto: “Esta ação demonstra como Salvador vinha sendo prejudicada por uma política deliberada, coisa que não vamos fazer com o governo estadual”.

Be Sociable, Share!
Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • junho 2016
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930