maio
31
Postado em 31-05-2016
Arquivado em (Artigos) por vitor em 31-05-2016 01:15

Até um dia!

Gilson Nogueira

A platéia que lotava o Teatro Rival, anteontem, à noite, no Centro da capital mundial da Bossa Nova estava feliz e sabia. O velho João Donato a abençoava com seu piano.Todos sentiam-se nas nuvens. Luis Alves, no contrabaixo, e Robertinho Silva, na bateria, ajudavam Donatão, ao lado de Donatinho, e de Janaina Moreno, a fazer do Rival o centro da melhor música do mundo. Havia luz no breu. Aos 81 anos de estrada – Donato começou a pianizar na maternidade -, com vigor artístico, mental e físico invejáveis, no show que prometia gente bailando no recinto, o acriano universal, com seu toque áfrico-cubano-tupiniquim de uma BN vestida sempre de improviso, era um exemplo de Brasil que dá certo.

No cotovelo do palco, esqueci que o meu país fede, por conta dos políticos que tem. E nem lembrei de perguntar o placar final do jogo entre Vasco e Bahia,considerando minha falta de fé, atualmente, no time que deixou escapar a chance de conquistar mais um tricampeonato baiano de futebol. Donato fazia-me esquecer o mundo lá fora. Mais que um show, eu testemunhava um fenômeno. João Donato era, alí, a prova do Brasil inspirador. Era Tom. Era Luiz Eça. Era Durval Ferreira. Era outro João, o Gilberto. E muita gente boa, mais!

Um gato preto e branco, ao meu lado, agora,acorda e mia, baixo, como se estivesse a me dizer: ” O Brasil já era!” Escuto-o, também, a sugerir-me espiar o Cristo Redentor, no Alto do Corcovado, e perceber que o Cristo, de braços abertos, está ensaiando um mergulho olímpico na Baía da Guanabara. E volto ao show de Donato, que levou quase duas horas de encantamento e desejo de ouvir música de qualidade no país de grandes compositores, músicos e intérpretes, nos palcos, emissoras de rádio e televisão e nas mídias dos novos tempos. Do jeito que anda a coisa, melhor é ficar em silêncio. Benção, Donato. Até um dia, até talvez, até quem sabe!

Gilson Nogueira é jornalista, colaborador da primeira hora do BP

Be Sociable, Share!

Comentários

vitor on 31 Maio, 2016 at 13:15 #

Gilson

Maravilha de artigo sobre o show de Donato no Teatro Rival. Empolgante que vi João pela última vez em um show intimista magistral no Teatro Vila Velha, em Salvador (atualmente passando por grande cride e precisando de ajuda). Aproveito parra um recado: não consegui abrir a foto dos Donatos no palco que vc mandou. Está grande demais e o editor Word Press, que uso no BP, não comporta. Peço que vc reduza o tamanho, com um bom corte, e reenvie. Se possível mande tb uma foto sua (atualizada) para o arquivo dos colaboradores do BP. Parabéns!


Gilson Nogueira on 31 Maio, 2016 at 15:37 #

GRANDE VÍTOR, ACABO DE ENVIAR A FOTO PARA VOCÊ. GRATO PELA GENTILEZA. O BP É DEZMAIS! ABS GN


Gilson Nogueira on 31 Maio, 2016 at 18:37 #

CARO VÍTOR, O VILA É UM MARCO DA SALVADOR CRIATIVA. DEIXÁ-LO EM CRISE, PEDINDO ESMOLA, É UM CRIME. O VILA HAVERÁ DE FAZER VALER SUA HISTÓRIA. OS ESPÍRITOS SANTOS DA BAHIA, IRÃO SALVÁ-LO! A AJUDA VIRÁ!FAÇAMOS FÉ!


Vanderlei on 31 Maio, 2016 at 18:59 #

Excelente compositor e ao ouví-lo vem aquela saudade do Rio de Janeiro e os bons tempos da Bossa Nova.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos