maio
18

De novo, um grampo no Supremo

Uma escuta ambiental desativada foi encontrada no gabinete de Luís Roberto Barroso. O equipamento estava dentro da caixa do ramal da mesa de trabalho do ministro.

A equipe de técnicos do STF analisa o equipamento. Em 2008, a denúncia de um suposto grampo contra Gilmar Mendes implodiu a Operação Satiagraha.

Curiosamente, a assessoria do tribunal disse hoje que, como o equipamento estava desativado, não haverá investigações sobre quem teria plantado o aparelho.

Isso significaria levantar o registro de quem Barroso recebeu nos últimos meses. O ministro não quer criar constrangimentos?

Be Sociable, Share!

Comentários

Vanderlei on 18 Maio, 2016 at 7:45 #

Segundo informações fornecidas na Jovem Pan que colocou o grampo foi a ABIN – Agência Brasileira de Inteligência.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos