A demagogia está no ar

Tantos problemas enfrenta Salvador, e se lança uma polêmica fútil em torno do nome do circuito do Carnaval na orla marítima, hoje “Dodô”, que querem transformado em “Daniela Mercury”.

É folclórico no Brasil o repertório de propostas exóticas de vereadores, como importação de água do mar para terras secas do sertão e até mesmo a revogação da lei da gravidade.

Somente não se esperava que uma vereadora da história de Vânia Galvão enveredasse por essa aventura ao mesmo tempo injusta, porque atinge a memória de um símbolo cultural da cidade, e ilegal, porque pessoas vivas

Be Sociable, Share!

Comentários

luiz alfredo motta fontana on 1 Maio, 2016 at 8:52 #

Enquanto isto:

Tudo pela varanda!

—————————-
Deu no Blog do Lauro Jardim

Articulação pode dar foro especial a Jaques Wagner
POR GUILHERME AMADO 01/05/2016 08:05

Está em curso uma negociação para Jaques Wagner integrar o secretariado de Rui Costa, na Bahia.

Com isso, caso Wagner se torne investigado na Lava-Jato por sua relação com Léo Pinheiro, ele terá como foro o Tribunal de Justiça da Bahia.

Bem longe de Curitiba e Sérgio Moro.

———————————

Nada como ter “Costa” quente!


luis augusto on 1 Maio, 2016 at 12:29 #

A dúvida que tenho a respeito é se secretário tem foro privilegiado.


luiz alfredo motta fontana on 1 Maio, 2016 at 12:44 #

A Constituição do Estado da Bahia normatiza o foro privilegiado aos secretáriso:

Art. 123 – Compete ao Tribunal de Justiça, além das atribuições previstas nesta Constituição:
I – processar e julgar, originariamente:
a) nos crimes comuns, o Vice-Governador, Secretários de Estado, Deputados Estaduais, membros do Conselho da Justiça Militar, Auditor Militar, inclusive os inativos, Procurador Geral do Estado, Juízes de Direito, membros do Ministério Público, membros da Defensoria Pública e Prefeitos;


luiz alfredo motta fontana on 1 Maio, 2016 at 12:59 #

Em tempo:

Essa prerrogativa ditada pela Constituição Estadual decorre do Parágrafo primeiro, artigo 125, da Constituição Federal:

Art. 125. Os Estados organizarão sua Justiça, observados os princípios estabelecidos nesta Constituição.
§ 1º – A competência dos tribunais será definida na Constituição do Estado, sendo a lei de organização judiciária de iniciativa do Tribunal de Justiça.


luis augusto on 1 Maio, 2016 at 14:11 #

Valeu, Fontana.


Rubens Neuton on 2 Maio, 2016 at 20:13 #

Grande Luís Augusto, um saudoso abraço meu amigo.
Não curto muito esse negócio de foro privilegiado, as vezes soa injusto e até suspeito, mas não vou alimentar polêmica. Prefiro falar do infeliz, absurdo e inoportuno projeto da vereadora petista Vânia Galvão, de trocar o nome de Dodô pelo de Daniela Mercury, do circuito carnavalesco da Barra. Nada contra Daniela, pelo contrário, sempre a vi como um dos maiores destaques da nova geração de cantores baianos e acho até merecedora de homenagem desse nível, mas nunca da forma como foi proposta pela vereadora. Essa ideia revela, no mínimo, desconsideração à importante participação de Dodô na história do carnaval baiano, além de descompromisso com a cultura e tradições da Bahia.


luís augusto on 4 Maio, 2016 at 7:15 #

Querido Rubens, muita saudade daquele tempo em que a gente dava boas risadas na Redação de A Tarde, vivendo a vida com o bom humor que dela se exige.

Quem está na Revisão da Assembleia é Jucimar, aquele que ficava perturbando você musicalmente por causa da segunda edição dos domingos. Gente boa. E você, o que faz agora? Ainda está no MP ou goza das delícias da aposentadoria? Saudoso abraço, também.


luis augusto on 4 Maio, 2016 at 14:30 #

Completando, Rubão (espero que minha demora não o faça deixar de ler a resposta e este complemento). parece que o caso “Dodô-niela” vai reverter-se.


Rubens Neuton on 5 Maio, 2016 at 19:01 #

OK Luis, também tenho muita saudade daqueles bons tempos de A Tarde, a gente se divertia no trabalho, como se fosse em um local de laser. Me lembro de Jucimar (nunca mais o vi, mando um abraço pra ele), ele é klebão tiravam o maior sarro por causa do horário da segunda edição.
Vi sua resposta hoje -obrigado pela atenção- e fiquei animado com a possibilidade de reversão da absurda idéia “Dodô-niela”. Tomara que ocorra.
Após deixar A TARDE e o MP, fiquei um tempo curtindo o início da aposentadoria, mas depois trabalhei mais de três anos na Secom do Governo do Estado. Saí quase no final de 2013, andei fazendo uns ‘frilas’, inclusive para o próprio o governo estadual, mas agora tou livre, curtindo os sites e blogs de notícias e lendo revistas e jornais impressos (ainda tenho assinatura de A TARDE) e para não fugir a regra, as vezes metendo o bedelho com opiniões sobre acontecimentos.
Um abração meu amigo, até qualquer hora desas


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos