DEU NO BOG O ANTAGONISTA

É mesmo surreal

Um dia depois de o STF decidir que condenados em segunda instância vão em cana, o protagonista de um caso emblemático de chicanas e impunidade ganhou o benefício do regime aberto.

Antonio Pimenta Neves, que matou a sangue frio Sandra Gomide em 2000, foi condenado em 2006 e começou a cumprir pena somente em 2011, será solto “por bom comportamento”.

É mesmo um país surreal.

Be Sociable, Share!

Comentários

Cida Torneros on 19 Fevereiro, 2016 at 18:07 #

Meus pêsames a todas as famílias das mulheres vítimas de feminicidio de todas as classes sociais. Os machos livres são tão protegidos por seus dotes hormonais ou corporativos ou jurídicos ou quem sabe se sentem mesmo superiores. Sandra Gomide é uma das milhares de mulheres assassinadas por sujeitos assim: arrogantes e possessivos. Com Pimenta ou sem Pimenta o tempero da injustiça é semelhante e a humilhação da perseguição ou da morte é a mesma. Vivas e execradas as mulheres seguem na luta pela igualdade de direitos ainda no século XXI. Pobres Sandras que cruzam com homens assim. Violência e assédio ainda são usuais contra muitas de nós e a justiça contribui com o surreal de um sistema patriarcal apodrecido.


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2016
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    29