DEU NO BLOG POR ESCRITO (DE LUIS AUGUSTO GOMES)

Fábio Lula da Silva quer todos nas malhas da lei

Lula é inocente de tudo. Acreditemos no que dizem seus acólitos, aliados e parentes e simpatizantes que restam, como faz agora o filho Fábio Luís Lula da Silva, primogênito do sexo masculino.

Ele próprio objeto de suspeitas em insuspeitadas atividades empresariais, com recebimento de recursos das quais o pai declarou não ter tido o mínimo conhecimento. Ele relaciona outros famosos proprietários de imóveis de altíssimo padrão que não foram questionados nem pela imprensa, nem no âmbito investigativo-policial. Só Lula?

Há no Brasil, portanto, um gigantesco conluio entre jornalistas, policiais, promotores e juízes, que deveriam fechar os olhos aos fatos de corrupção que envolvem a Petrobras, bancos públicos, fundos de pensão de empresas estatais, órgãos de fiscalização do governo federal e até a presidência da República e seu poder de editar leis através das medidas provisórias – a menos que procurassem saber, também, por exemplo, como foi que Patrícia Poeta viabilizou seu apê da Vieira Souto.

Então, em vez de continuarmos nos escandalizando com as denúncias, deixemos todos de manifestar-nos. Apenas vigiemos e aguardemos que as apurações sigam céleres no âmbito policial e se definam pela palavra da Justiça.

Seria o mesmo caso de dezenas de milhões de brasileiros, que, eventualmente, se por graves injustiças fossem arrolados como possíveis criminosos, estariam em paz de espírito, tocando suas vidas até que tudo se esclarecesse, sem querer estender aos outros seu inferno.

Be Sociable, Share!

Comentários

luiz alfredo motta fontana on 1 Fevereiro, 2016 at 7:00 #

Processará a Rose?
Processará o Instituto Lula que desmentindo confirmou?

Esse menino vaio longe, resta saber se a convite do japonês da federal.


luis augusto on 1 Fevereiro, 2016 at 7:02 #

Caros amigos, penitencio-me, como já fiz no Por Escrito: o filho de Lula citado como participante de “insuspeitadas atividades empresariais” é Luís Cláudio Lula da Silva, apelidado Lulinha, não Fábio, que, no presente caso, é o que defendeu o pai em rede social.


luiz alfredo motta fontana on 1 Fevereiro, 2016 at 7:11 #

Fábio é fundador da Gamecorp, com Ricardo e Kalil Bittar, filhos de Jacó Bittar, os “donos” do sitio do barquinho, menino impoluto, a Telemar que o diga.


luiz alfredo motta fontana on 1 Fevereiro, 2016 at 7:18 #

Lava Jato mira Gamecorp, empresa de Lulinha
Josias de Souza 30/01/2016 19:05

A Gamecorp, empresa que tem como sócio o filho mais velho de Lula, Fábio Luís, encontra-se na alça de mira da Lava Jato. Procuradores da força-tarefa de Curitiba negociam um acordo de delação premiada com Otávio Azevedo, presidente licenciado da empreiteira Andrade Gutierrez, preso há sete meses. O nome de Lulinha, como o primogênito de Lula é chamado na intimidade, pode soar nos depoimentos de Azevedo, informa a revista Veja.

A Andrade Gutierrez é uma das controladoras da antiga Telemar, hoje rebatizada de Oi. Por meio dessa empresa de telefonia, a construtora injetou R$ 5 milhões na Gamecorp em 2005, comprando cerca de 30% da participação societária. Os procuradores querem que Otávio Azevedo revele o que motivou a transação. O candidato a delator resistiu. Mas os investigadores não aceitaram celebrar o acordo de cooperação judicial sem esse pedaço da trama. E o preso decidiu ceder.

De acordo com a reportagem, Azevedo dirá que agiu a pedido de Lula. Nessa versão, o pai de Lulinha, a caminho do término do seu primeiro mandato, tomou conhecimento de que o notório banqueiro Daniel Dantas oferecera-se para virar sócio da Gamecorp. Para impedir que o filho se vinculasse a Dantas, Lula pediu aos donos da velha Telemar, entre eles a Andrade Gutierrez, fizessem uma oferta mais vantajosa. Foi atendido.

O tempo passou. E os novos financiadores de Lulinha não perderam por esperar. Ganharam. Decorridos três anos, o governo Lula alterou a legislação para permitir que a Telemar/Oi se fundisse com a Brasil Telecom. Autorizada a fusão, a Andrade Gutierrez passou a contratar, por meio da Oi, serviços da Gamecorp. Serviços desnecessários, confidenciou Azevedo aos seus advogados. Serviam como canal de repasse sistemático de dinheiro para Lulinha e seus sócios.

Chamam-se Fernando Bittar e Jonas Suassuna os sócios de Lulinha na Gamecorp. No papel, os dois são os donos do sítio que Lula utiliza como refúgio, em Atibaia. A exemplo do que sucede com o apartamento triplex do Guarujá, cuja propriedade é atribuída a Lula, o sítio de Atibaia também entrou no radar da Lava jato. São abundantes os indícios de que empreiteiras enroladas no escândalo da Petrobras borrifaram verbas de má origem nos dois imóveis.

Plugado às redes sociais, Lulinha dedica-se a defender o pai e atacar a imprensa e políticos rivais do PT.


Taciano Lemos de Carvalho on 1 Fevereiro, 2016 at 7:47 #

Se o triplex do Guarujá é do Lula eu não sei.

Sei apenas que fiquei preocupado (ou exultante?) com mensagem do WhatsApp que acabei de receber. Leia a mensagem a seguir.

“Alerta para quem vai viajar neste Carnaval:

Você vai viajara no Carnaval? Cuidado!

Confira bem se a casa vai ficar bem trancada, porque a OAS está entrando na casa dos outros e reformando tudo sem o dona saber.

Um perigo!”

Viu a razão da minha preocupação?


Taciano Lemos de Carvalho on 1 Fevereiro, 2016 at 7:48 #

Corregindo: “…você vai viajar no Carnaval…”


Taciano Lemos de Carvalho on 1 Fevereiro, 2016 at 7:52 #

corrigindo


Jader martins on 1 Fevereiro, 2016 at 8:31 #

luis augusto on 1 Fevereiro, 2016 at 14:13 #

A uma conclusão cheguei, pela leitura de blogs, sites e jornalões: os dois são “Lulinha”.

Quanto à transação a que me referi, é a da grana da empresa de esportes, que recebeu R$ 2,5 milhões, numa operação que a investigação vincula, embora ainda não tenha comprovado, à aprovação e prorrogação de MPs em favor da indústria automobilística.


Taciano Lemos de Carvalho on 1 Fevereiro, 2016 at 14:51 #

Luís,

Eu também cheguei a uma conclusão, nas derivada da sabedoria popular que diz que filho de peixe, peixinho é.

Concluí, então, que todo filho de lula, lulinha é. Não é peixinho, mas que se vira nesse mar do Brasil, se vira. Ou não?


luiz alfredo motta fontana on 1 Fevereiro, 2016 at 17:12 #

Caro Luís

Pensando bem, o Instituto Lula, admitiu tanta coisa desmentindo, que assemelha à delação premiada.

Siga as varandas, especialmente em Salvador, ou Wagner é inoxidável?


luiz alfredo motta fontana on 1 Fevereiro, 2016 at 18:37 #

Querem testar o fígado e o estômago?

Hoje no Roda Viva, Marcelo Castro (ministro da Saúde), David Uip (secretário da Saúde do estado de São Paulo), Alexandre Padilha (ex-ministro da Saúde e atual municipal da Saúde de São Paulo), Jorge Kalil (diretor do Instituto Butantan), José Guedes (ex-secretário estadual da Saúde e professor de Medicina Social da Santa Casa) e José Carvalheiro (professor da USP e integrante do Observatório de Inovação e Competitividade da USP) terão como tema o famigerado mosquito.

Com certeza não confessarão sua inépcia e incompetência, darão tratos à bola para depositarem sobre a sociedade o descaso do setor público.

Todos bem pagos, sustentados por nós todos. Posarão de críticos da sociedade.

Talvez uma ou duas exceções, mas duvidar é preciso, este pais abunda de servidores ineficientes.

Tomem seus eméticos, o enjoo será inevitável. Mais cínico que isto só o Conselhão de Madame Dilma.


Taciano Lemos de Carvalho on 1 Fevereiro, 2016 at 20:46 #

Sabe de uma coisa. Eu acabo concordando com a queixa que o filho do Lula faz e que, por sinal, é reforçada por mensagem do WhatsApp.

Todo mundo criticando o fato do ex-presidente ter, segundo a imprensa, reformado o triplex de Guarujá. Mas o Luciano Huck vive reformando a casa dos outros e ninguém fala mal dele.

Dá um tempo, gente!


Deixe um comentário
Name:
Email:
Website:
Comments:

  • Arquivos

  • Fevereiro 2016
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    29